Promobit
Promobit
Sem categoria

Tudo o que você precisa saber sobre corino

De certo, o material das roupas, calçados e até mesmo estofados são parte da preocupação em relação a durabilidade, por isso hoje falaremos sobre o corino.

Tudo o que você precisa saber sobre corino

4 de dez de 2021

0 comentários

Compartilhe:

A muitos anos o acabamento em couro sempre foi muito apreciado, afinal traz um ar chique para qualquer peça de roupa ou item de casa. Contudo, a utilização de couro legítimo caiu no conceito dos consumidores, tanto pela origem animal quanto pela sustentabilidade e preço do produto. Então com isso nasceu o corino, uma versão muito mais barata e sustentável do couro tradicional.

Qual a diferença entre o couro e o corino?

Certamente, estes dois materiais ainda estão bem presentes na vida da população, seja direta ou indiretamente. Mas ainda é difícil para entendermos qual a diferença entre eles, até porque muitos materiais feitos de corino ou outros tipos de couros sintéticos ainda são nomeados como simplesmente couro, o que é proibido. Por isso, a seguir vamos falar um pouco sobre cada um.

Quer receber avisos sempre que aparecer  cadeira em couro ?

Couro legítimo

Então, começando com o couro legítimo, como já mencionado anteriormente, é feito de origem animal, ou seja, de pele, podendo ser bovina, suína ou de cabras, ovelhas e carneiros. Esta característica faz com que cada tipo de couro seja diferente, produzindo peças exclusivas e consequentemente mais caras tanto pela limitação e exclusividade do material, quanto pelo processo químico que o couro é submetido para chegar na sua aparência final.

Mas resumidamente o couro legítimo:

  • Tem origem animal e tratamento químico;
  • Possui texturas especificas;
  • Tem maior impermeabilidade;
  • Possui maior durabilidade;
  • Resistente a altas temperaturas;
  • Mantem seu aspecto natural, não sofrendo deformações;
  • Valor de custo mais alto.
Quer receber avisos sempre que aparecer carteira em couro ?

Corino

Agora, diferente do couro legítimo, o corino é um tecido a base de algodão que imita a aparência do couro, este possui uma grande variedade de acabamentos. Pelo corino ter uma facilidade maior na produção e confecção o preço do mesmo e até as peças que levam este material é bem diferente em relação ao couro legítimo, sendo mais acessível. Dentre suas características temos os pontos a seguir:

  • Tem material com base em tecido 100% algodão composto por 70% PVC, 25% poliéster e 5% poliuretano;
  • Possui grande variedade de estampa e cores;
  • Permite a circulação de ar esquentando mesmo os estofados por exemplo;
  • Baixa impermeabilidade;
  • Baixa vida útil dependendo dos cuidados;
  • Facilidade de limpeza;
  • Valor de custo mais baixo.
Leia mais:
  • O que é couro ecológico?
  • Qual a diferença entre couro, nobuck e camurça?
  • O que é couro PU?

Como identificar o corino?

Então, um ponto importante a se considerar na escolha do corino é a versatilidade do tecido, podendo ser usado em diversos produtos, como roupas, sapatos, bolsas, acessórios, poltrona, sofá etc. Ao se deparar com produtos feitos de corino você poderá observar características específicas que ajudam na identificação do material.

A primeira coisa a se observar é a textura que é mais leve por não ser coura verdadeiro, além de ser mais maleável e liso. Ou seja, não contém muitas texturas se assemelhando a qualquer outro tecido. Aliás, seus padrões do tecido são sempre muito parecidos, ao contrário do couro natural que possui até “defeitos” naturais.

Como fazer a limpeza do corino?

Por não ser um produto natural e resistente como o couro, o corino requer maiores cuidados para ajudar no tempo de vida útil, então é importante saber limpá-lo corretamente. Mas não é nada muito elaborado, pois como a matéria prima contém plástico a higienização é simples.

Para manter o corino limpo basta umedecer uma esponja limpa com sabão neutro e água, com a parte lisa limpe a superfície e para as manchas mais difíceis faça movimentos circulares. Após a limpeza com esponja, retire o sabão com um pano limpo e seque muito bem o corino. Mas se mesmo a limpeza do tecido continuar com alguma mancha, um pouco de álcool em um algodão pode resolver.

Certamente é importante ressaltar que o corino não precisa de hidratação e não pode ter contato direto com uma grande quantidade de água, assim como altas temperaturas.

Quer receber avisos sempre que aparecer couro ?

Corino vale a pena?

Por fim, você pode se questionar se esse tipo de material vale a pena e a resposta é depende. Certamente é bom levá-lo em consideração pelo baixo valor e até mesmo versatilidade e facilidade de manutenção. Até porque, este já é um material muito presente no mercado.

Contudo, tudo depende das suas preferências de compras e até da finalidade que o uso vai ter. Um bom exemplo é que um sofá em corino não é ideal para áreas que recebem muita exposição ao sol, sendo mais viável outro material.

Aliás, antes de ir não deixe de contar nos comentários sua experiência com o corino, assim você ajuda na decisão de compra da comunidade!


Por fim, não deixe de adicionar o produto que está procurando na Lista de Desejos aqui no Promobit e compre com ainda mais desconto utilizando cupons Casas Bahia e cupons Magazine Luiza!

Veja também