Take a fresh look at your lifestyle.

TV Samsung ou TV LG: Qual a melhor?

LG e Samsung disputam a preferência dos compradores. Confira qual delas é a melhor TV para você.

211

Samsung e LG são, respectivamente, a primeira e segunda maiores fabricantes de televisões do mundo. Ambas possuem modelos de diferentes faixas de preço que deixam muita gente em dúvida na hora de comprar um televisor novo e escolher entre as marcas de TV.

Ambas utilizam tecnologias diferentes em suas TVs, sejam as mais baratas, 4K de entrada ou modelos premium, e possuem focos diferentes, devendo agradar mais certos tipos de usuário do que outros.

Listamos neste artigo algumas características importantes em uma TV e como modelos da Samsung e LG diferem em cada uma delas, para lhe auxiliar na difícil escolha de comprar uma nova televisão. Como a procura por modelos 4K tem sido cada vez maior, focamos em aparelhos com esta resolução.

Resolução 4K

Ambas as companhias têm investido em TVs 4K (3840 x 2160 pixels), e mesmo que não haja muito conteúdo disponível nessa resolução hoje, sabemos que a indústria de entretenimento está cada vez mais abraçando a resolução.

As TVs 4K da Samsung e LG driblam a ausência do conteúdo em 4k com uma técnica chamada upscaling, que adapta o conteúdo em HD ou Full HD para a resolução maior. Com isso, você conta com toda a qualidade na resolução atual e uma TV pronta para receber todo o conteúdo futuro já gravado em 4K.

4K 720p

LG 4K fake?

Uma dúvida comum sobre a resolução é referente ao fato das TVs LGs possuírem um “falso 4K”. Mas isso é verdade?

Sim e não. A definição “4K fake” foi um termo de marketing aproveitado pela Samsung para difamar as TVs da concorrente. Muitas TVs da LG possuem painéis RGBW — confira mais sobre no item imagem —, tecnologia de disposição de pixels que reduz a resolução percebida pelo espectador adicionando um pixel branco no meio dos pixels vermelhos, verdes e azuis. Além disso, painéis RGBW tendem a diminuir a saturação das cores e o nível de preto em TVs LCD (isso não acontece nas OLED).

Na prática, as TVs 4K com painel RGBW da LG continuam tendo 11.520 subpixels, mas como ela substitui um terço das cores primárias pelo branco em algumas TVs, a concorrente foca neste aspecto dizendo que seu 4K não é 4K de verdade.

Mas e as TVs HD e Full HD?

TVs HD de 32 polegadas ainda são viáveis para quem não tem muito espaço em casa, não é exigente em termos de imagem ou tem uma Box TV para transformar o aparelho em uma smart TV caso o sistema operacional esteja desatualizado ou ele não seja smart. Elas estão entre as opções mais procuradas do mercado atualmente.

Além disso, TVs Full HD podem ser escolhas válidas caso o seu orçamento não cubra uma 4K de entrada (embora a diferença entre os preços delas seja muito pequena). Grande parte do conteúdo produzido hoje é exibido em 1080p, portanto você não sairá prejudicado caso opte por uma TV com esta resolução.

Tipo de painel

Os painéis usados pelas fabricantes estão entre as maiores diferenças das suas TVs. A LG utiliza painel IPS em seus produtos, enquanto a Samsung utiliza painel VA. O tipo de painel influencia de maneira direta na qualidade de imagem sob diferentes condições de luz e posicionamento do espectador.

Painel VA: Os painéis VA utilizados pela Samsung possuem cores mais saturadas e pretos mais escuros, apresentando diferentes tons de cor com maior fidelidade e que agradam aos olhos. No entanto, esse tipo de painel perde qualidade e brilho quando visto por outros ângulos que não sejam o frontal.

A TV Samsung é melhor aproveitada em ambientes com iluminação mais baixa ou controlável e, preferencialmente, sendo vista de frente.

Tv Samsung NU7100
TV Samsung NU7100 com painel VA

Painel IPS: Os painéis IPS utilizados pela LG mantêm a qualidade de imagem quando vistos por diferentes ângulos, possibilitando que você assista à TV quase de lado. No entanto, essas telas apresentam menor nível de contraste e preto mais acinzentado.

Devido ao preto mais acinzentado e ângulo de visão que mantém a qualidade da imagem, o melhor cenário para se assistir TV LG é em ambientes bem iluminados ou grandes. Esse padrão também permite que muitas pessoas possam assistir juntas ao mesmo programa, uma vez que os assentos podem ficar posicionados em qualquer ângulo.

tv lg uk7500 ips
TV LG UK7500 com painel IPS

Caso você tenha um olhar crítico, poderá notar as diferenças entre uma TV LG e Samsung apenas comparando-as lado a lado. Caso vá em uma loja, esteja atento às características de cada painel e no modo como cada tela está configurada — se possível, configure-as você mesmo.

Imagem

A qualidade de imagem é o principal ponto a se considerar quando vamos escolher um televisor; e os modelos da LG e Samsung também diferem nisso. Cada modelo conta com aspectos diferentes que impactam diretamente nas imagens que vemos: tempo de resposta, nível de contraste, frequência de atualização, input lag, balanço de branco e ângulo de visão são alguns deles.

Você não precisa entender como tudo funciona para escolher uma ou outra marca, mas saber como eles afetam a qualidade de imagem pode te ajudar a calibrar a TV antes de se arrepender da escolha feita. Como essas especificações variam muito de modelo para modelo, não citaremos números, mas falaremos dos principais aspectos das TVs de ambas as marcas em relação à imagem num contexto geral.

TV LG

TVs LG de entrada apresentam configurações que as tornam boas para quem deseja acompanhar esportes, assistir filmes de ação ou jogar (input lag baixo, bom tempo de resposta). No entando, estas TVs, sem exceção, possuem painéis 8 bits de 60Hz, algo irrelevante para muitos, mas que poderá fazer a diferença para usuários mais exigentes. O nível de contraste delas é relativamente baixo, assim como a profundidade do preto, mas o ângulo de visão faz delas melhores opções para quem não vai assistir à TV de frente e os reflexos da tela também as tornam modelos indicados para salas com muitas janelas.

TV LG 2018 OLED

TVs Premium da LG são uma bela evolução em comparação às de entrada tratando-se de imagem. A gama de cores reproduzida por elas é bem maior, assim como o nível de brilho, resultando em cores mais fiéis e imagens que agradam mais aos olhos; o ângulo de visão continua amplo, como nos modelos de entrada, mas a profundidade de preto ainda não se aproxima do resultado de um painel VA, algo que incomodará alguns usuários mais do que outros.

Em 2018 a LG mudou sua estratégia e nem todas as suas TVs utilizam painéis RGBW. Os modelos de maior tamanho e as TVs premium da marca já possuem painel IPS RBG, sendo escolhas óbvias frente aos aparelhos de 2017.

TV Samsung

TVs Samsung de entrada agradarão aqueles que desejam uma TV para games, assistir filmes de ação ou esportes. O nível de contraste, gama de cores e profundidade do preto exibido pelas telas da sul-coreana são bons, mas, dependendo do modo como estejam configuradas, podem apresentar judder e artefatos de imagem em programações em 24p. Infelizmente, assisti-las em locais muito iluminados ou de outros ângulos que não sejam o frontal não será uma boa ideia, uma vez que poderá haver reflexos e perda de nitidez.

Os aparelhos de entrada da marca, assim como os de sua principal concorrente, possuem painéis 8 bits com frequência de atualização nativa de 60Hz. A Samsung divulga em seu site oficial a taxa de 120Hz para muitos destes modelos, mas não especifica que o número na verdade é o da frequência de atualização emulada, que duplica os pixels para entregar cenas mais fluidas.

TVs premium da Samsung são melhores do que as de entrada em quase todos os aspectos, devendo agradar pessoas que podem pagar a mais para ter qualidade superior. Elas apresentam melhor nível de contraste, menos artefatos de imagem e quase nenhum judder em conteúdo de qualquer fonte. Elas também podem reproduzir conteúdo com taxa de frames maior do que a original, eliminando borrões. O porém fica na queda da qualidade de imagem quando vista por diferentes ângulos, que se mantém até nas TVs QLED.

Som

A qualidade sonora de uma TV é algo relativo, visto que cada pessoa tem sua preferência. Em se tratando de som, só é possível identificar qual marca ou aparelho é melhor para você  ouvindo-o pessoalmente e alternando entre os perfis de áudio. Neste tópico, daremos apenas algumas dicas:

1. Potência não significa qualidade: Não é porque o som de uma TV tem 30W de potência que ele é melhor do que o de uma de 20W — de nada adianta a potência mais alta se o som chegar aos seus ouvidos completamente distorcido ou cheio de ruídos.

Ao avaliar o som da TV, seja da Samsung, LG ou qualquer outra marca, dê valor à qualidade do áudio tanto quanto aos números. Não escolha uma TV só por ser potente, mas também não escolha uma com volume muito baixo achando que a qualidade será boa por causa disso.

2. Saiba a qual faixa econômica a TV pertence: Saber que tipo de produto está comprando é uma ótima forma de evitar decepções. Não espere qualidade sonora excelente de um aparelho de entrada, pois irá, inevitavelmente, se decepcionar.

A LG tem modelos de TV LCD premium, com sistema de som assinado pela Harman Kardon e, claro, cobra mais por isso. TVs como a do exemplo realmente entregam qualidade sonora superior às concorrentes, mas nem sempre o que é entregue justifica a diferença de preço.

Se você é alguém que se preocupa com o som mais do que com a imagem, e está planejando comprar um televisor de entrada (com preços mais acessíveis) ou assinado por alguma marca referência do ramo, faça os cálculos e tenha certeza de que o custo-benefício de comprar apenas o aparelho é melhor do que montar um sistema de som à parte, com soundbar ou home theater.

Sistema operacional

Tizen e WebOS são, respectivamente, os sistemas utilizados nas TVs da Samsung e LG. Há grandes diferenças entre eles, e embora ambos possam ser considerados bons, há vantagem para o lado da LG.

samsung tizen

O Tizen da Samsung conta com tela inicial que dispõe os principais aplicativos em retângulos, sendo organizada e dando fácil acesso aos principais apps. A loja do sistema tem boa variedade de aplicativos, oferecendo muitos jogos, opções de entretenimento, esportes e também aplicativos infantis. Um ou outro app fica faltando, mas, no geral, a variedade é satisfatória. A navegação entre as abas é rápida e apresenta poucos engasgos, mas não é muito intuitiva. O acesso às configurações do Tizen poderia ser mais simples para usuários comuns ou mesmo leigos.

Uma das vantagens do Tizen são apps exclusivos que estão presentes graças a parcerias feitas pela Samsung. Podemos citar como exemplos o Steam Link, que possibilita fazer stream dos jogos para PC direto na TV; e o SporTV 4K Rússia, que conta com conteúdos exclusivos da Copa do Mundo 2018 na Rússia e ainda transmite todos os jogos em resolução 4K.

LG WebOS

Já o WebOS da LG tem a navegação mais fluida, rápida e intuitiva entre todos os sistemas operacionais de smart TVs atuais. É realmente muito simples navegar entre os apps e outras opções através do menu, já que tudo é muito bem organizado e de fácil acesso, além de ser possível reorganizar e ocultar itens para deixar a tela principal de acordo com o seu gosto.

Os aplicativos são organizados por retângulos inclinados que não ocupam tanto espaço na tela e ainda assim tornam simples a tarefa de encontrar o app ou função que procuramos. A LG Store é bem completa e oferece conteúdo para todos os gostos.

As fabricantes têm focado em manter seus sistemas atualizados e, pelo menos nos últimos dois anos, têm mantido os televisores com versões funcionais dos aplicativos mais populares. Portanto, ficar com Netflix ou YouTube desatualizados não deverá ser uma preocupação ao comprar uma TV LG ou Samsung.

Se você usa sua TV principalmente para jogar, talvez seja melhor não priorizar tanto o sistema operacional. Consoles como o Xbox One e PS4, assim como o PC, contam com os principais aplicativos de entretenimento que pode querer, como Netflix, YouTube, Amazon Prime Video — mas ficam devendo em matéria de aplicativos nacionais, como o Globo Play.

OLED e QLED

Temos um artigo completo que explica as diferenças entre OLED e QLED. Ambas são siglas que se referem ao modo de construção de televisores que utilizam iluminação LED, mas apesar de terem nomes semelhantes, são bem diferentes.

LG OLED

As OLED são as melhores TVs da atualidade, têm contraste infinito com nível de preto praticamente perfeito, input lag baixíssimo, tempo de resposta instantâneo e mantêm a qualidade de imagem mesmo vistas por outros ângulos.

No entanto, TVs OLED possuem risco de apresentar burn-in permanente, algo inevitável uma vez que a tecnologia é baseada na utilização de elementos orgânicos em sua composição. Explicamos em nosso artigo sobre a tecnologia e que TVs do tipo não são descartáveis, como muitos pensam, possuem tecnologia para evitar este problema e muitos usuários utilizam um televisor do tipo por anos sem relatar tal vício. Você pode conferir os resultados dos testes reais de burn-in do site Rtings, especialista em televisores.

Samsung QLED TV

Já TVs QLED utilizam a tecnologia de pontos quânticos da Samsung em sua composição, apresentando ampla gama de cores e bom nível de contraste, brilho alto, input lag baixo e excelente tempo de resposta. Assim como em outros modelos da marca, as imagens exibidas em TVs QLED podem perder qualidade quando vistas de diferentes ângulos.

Um diferencial dos televisores QLED é o modo ambiente, que transforma a TV em uma espécie de quadro. Neste modo, o aparelho por tempo indefinido exibe uma imagem que combina com o ambiente em que está, dando um charme extra a salas e quartos que não ficam com um simples retângulo preto gigante na parede — isso desde que você não se importe com o valor da conta de luz.

Uma desvantagem da tecnologia frente a sua principal concorrente é o contraste, que não chega perto do apresentado pelas OLED, uma vez que TVs QLED não podem desligar seus pixels por completo. No entanto, uma grande vantagem é a chance praticamente nula de apresentar burn-in permanente.

Para quem TVs da Samsung são indicadas?

As TVs da Samsung, sejam modelos de entrada ou premium, são indicadas para pessoas que possuem quartos ou salas pequenos e/ou para ambientes cuja iluminação seja controlável (com cortinas nas janelas ou fontes de luz que não iluminem a tela diretamente.

Nestes casos, a limitação do ângulo de visão não será problema, assim como os reflexos da tela, e o nível de contraste, um dos pontos positivos da TV, ficará mais evidente.

Pessoas que gostam de esportes, filmes e séries repletos de cenas rápidas e também fãs de videogames poderão comprar uma TV da marca sem medo de serem felizes, dando preferência para modelos premium caso queiram gastar mais de R$ 3.500.

Para quem TVs da LG são indicadas?

As TVs da LG, sejam modelos de entrada ou premium, são indicadas para pessoas que possuem salas grandes, com assentos posicionados em diferentes posições e/ou ambientes muito iluminados onde a luz seja constante ou não controlável. Também são boas opções caso o televisor fiquem de frente para uma janela.

Nestes casos, a limitação do nível de preto ficará menos evidente, uma vez que a tela estará iluminada, e o ângulo de visão mais amplo será melhor aproveitado.

Caso você precise instalar TV em um salão de beleza, bar, saguão de hotel ou um comércio qualquer, um aparelho da LG também pode ser uma boa pedida, já que os clientes poderão assistir de diferentes direções e como o ambiente estará sempre iluminado, a qualidade de imagem não será prejudicada.

As TVs da marca são boas opções para assistir filmes, séries e vídeos, seja na Netflix, YouTube ou programação normal da TV, além de serem indicadas para aqueles que desejam uma boa opção para games, não importa qual seja o console usado.

Qual a melhor TV?

Não há uma unanimidade quando nos perguntamos ‘qual a melhor TV’. Modelos de ambas as marcas poderão agradar usuários de diferentes formas, por isso é importante que você teste bem o televisor antes de tomar a decisão final de mantê-lo ou trocá-lo — lembre-se que você tem até 7 dias para devolver um produto comprado pela internet.

tv configurações

Ao ligar sua TV pela primeira vez, lembre-se de calibrar a tela. Deixe tudo de acordo com o seu gosto e anote as informações para lembrar-se das configurações caso precise configurá-la outra vez no futuro.

Se estiver em uma loja ou for comprar a TV de outra pessoa, realize quantos testes puder para se certificar da qualidade da mesma. Não desista de uma TV sem calibrar a imagem dela primeiro e ter certeza de que a qualidade não lhe agradou, mas também não fique com TVs que exibam manchas perceptíveis na tela ou que lhe incomodem de alguma forma.

Caso compare duas TVs, não tire conclusões antes de deixar os modelos comparados nas mesmas situações e exibir diferentes tipos de conteúdo em ambas as TVs, você pode se arrepender da decisão quando resolver testá-las em casa.


Procuramos explicar todas as diferenças e pontos relevantes entre as TVs Samsung e LG, mas há muitas outras nuances que podem fazer uma televisão ser mais ou menos recomendada para você.

É bom lembrar que imagem é algo muito pessoal, e mesmo um certo tipo de painel sendo indicado para um ambiente específicos (como tela VA em salas escuras), é perfeitamente possível que você prefira uma TV da LG na sua sala pequena e pouco iluminada. Cada um tem sua preferência pessoal, dê valor à sua!

Leia também: Melhores Smart TVs para comprar em 2018

Tem alguma dúvida sobre TVs Samsung ou TV LG, gostaria de compará-las com alguma outra marca ou deseja uma indicação de TV? Não deixe de comentar, tire suas dúvidas com a comunidade!

Depois de avaliar qual a marca e o modelo mais indicado para você, aproveite o nosso app de cupons e descontos para acompanhar as principais ofertas de TV que aparecerem por aqui na nossa plataforma.


*Conteúdo criado em 17/05 e atualizado em 28/11.

Veja também
Comentários

Novo comentário
cancelar
Responder comentário:

Quer receber alertas de novas postagens?

Receba notificações em seu navegador!