Aliexpress_ megasaldãojunho
Promobit Explica

O que é quebra cabeça literário? Conheça mais sobre

Se deparou ou ouviu falar em quebra cabeça literário, mas não sabe a que se refere? Quer saber com mais detalhes o que é? Confira a matéria.

Avatar do membro Júlia Queiroga

Júlia Queiroga

29 de dez de 2022

0 comentários

Compartilhe:

Já se deparou com um quebra cabeça literário? Não falo daqueles quebra cabeças com temática literária que vem com mil peças e, ao final, terá referências ou mesmo a imagem de um livro, estou falando realmente de um quebra cabeça literário. Fomos desvendar o que é quebra cabeça literário para te contar mais sobre ele, confira o que descobrimos na matéria.

O começo do quebra cabeça literário?

Existem muitas obras cheias de mistério que desafiam o leitor a descobrir o que está escondido, porém foi com Edward Powys Mathers poeta e tradutor, sob o pseudônimo Torquemada, que lá no início da década de 30 escreveu A Mandíbula de Caim, um livro enigma que premiava com 25 libras quem resolvesse o quebra-cabeça.

Parece fácil não? O problema é que desde sua publicação, lá em 1934, pouquíssimas pessoas conseguiram o enigma.

O que compõe A Mandíbula de Caim?

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Em seu lançamento, a obra foi criada com 100 páginas e impressa em ordem aleatória, existindo apenas uma correta. Contudo, o número de combinações é alto e o livro bastante desafiador, afinal seu criador era um apaixonado por enigmas a ponto de fazer o seu próprio.

No Brasil, a obra foi lançada em 2021, pela Editora Intrínseca, e mantém a sua organização de como foi criado. Ou seja, temos um livro de cem páginas com seis assassinatos, cada um com uma circunstância de morte, motivo e culpados diferentes. Só que todas as páginas foram impressas em ordem aleatória.

O que é um quebra-cabeça literário?

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

É uma mistura de livro com um quebra-cabeça, uma obra criada com o propósito de ser resolvida pelo leitor. A obra mais famosa é A Mandíbula de Caim, entretanto existem outros livros com a mesma proposta, como S. de J.J. Abrams e Doug Dorst.

Diferentemente do primeiro livro relatado mais acima nesta matéria, S. é um romance envolvendo M. Straka, autor de O Navio de Teseu que nunca revelou seu rosto, sua biografia é repleta de boatos e a única certeza sobre ele é que até estudar sua obra representa um perigo, inclusive pelo histórico do autor em ter romances que derrubam governos, envergonham industriais e anteciparam a ascensão de regimes totalitários.

Paralelamente a história de O Navio de Teseu, acompanhamos Eric, um jovem que encontra o livro de Straka e começa a decifrá-lo, todavia a obra acaba indo parar nas mãos de Jen, uma estudante de literatura, que também se interessa pelo conteúdo do livro. Os dois jovens, então, começam a trocar mensagens nas páginas da obra decifrando também o enigma.


Não deixe de conferir as ofertas de livros. Aproveite para comprar com desconto usando um cupom do Submarino ou o cupom da Americanas.