Promobit
Promobit
Guias de Compra

iPhone 11 é bom em 2021 ou melhor optar pelo iPhone 12?

Com um provável iPhone 13 batendo a porta o preço do aparelho de 2019 pode ficar ainda mais barato

iPhone 11 é bom em 2021 ou melhor optar pelo iPhone 12?

9 de set de 2021

0 comentários

Compartilhe:

A procura por modelos de iPhones segue grande mesmo após alguns anos do lançamento dos aparelhos. O iPhone 11 lançado em 2019 não é diferente e para muita gente o melhor momento de compra dele é agora, já que um possível iPhone 13 está próximo e o aparelho de gerações anteriores deve ficar mais acessível. Já podemos adiantar que o iPhone 11 é bom, mas para saber se ele ainda faz sentido em 2021 confira a nossa análise. 

Quer receber avisos sempre que aparecer iPhone 11?

Design premium com corpo em vidro

A geração iPhone 11 foi a primeira a apresentar o design do módulo de câmeras na traseira que ganhou o carinhoso apelido de “cooktop” e independentemente do gosto de cada um, ditou tendência nos aparelhos que foram lançados posteriormente. O iPhone 11 é feito todo em vidro com bordas levemente curvas e em alumínio, o que proporciona boa pegada. 

Já as bordas são mais volumosas que em iPhones mais caros, já que a tela LCD não suporta bordas tão estreitas quanto em telas OLED presentes nos modelos mais caros da mesma linha, iPhone 11 Pro e 11 Pro Max. O aparelho também conta com resistência a água IP68.

Tela: poderia ser melhor, mas ainda assim é muito boa

Tela LCD, resolução HD+, mas cores bem calibradas, contraste muito bom e bom nível de barulho, mas apesar de ser um excelente LCD, as limitações da tecnologia não permitem que o display seja tão bom quanto as telas OLED do iPhone 11Pro, por exemplo. É uma tela excelente, mas como existe algo melhor na mesma linha, fica a observação. 

Desempenho: processador potente e interface fluida

A Apple desenvolve os próprios processadores para seus smartphones, e o iPhone 11 possui o mesmo desempenho de seus companheiros de linha mais potentes, o iPhone 11 Pro e 11 Pro Max. O aparelho conta com processador Bionic A13, um chip que ainda é estritamente poderoso e que em um sistema tão otimizado quanto IOS oferece desempenho para qualquer tipo de tela sem dificuldades, inclusive para os jogos mais exigentes.

Falando em interface otimizada, os 4 GB de RAM no IOS fazem com que o aparelho funcione liso também no multitarefa, inclusive por mais alguns anos. Quanto ao armazenamento, o modelo possui opções com 64GB, 128 ou 256 GB de espaço interno. 

Leia mais:

Câmeras: conjunto de lentes competentes

As tradicionais câmeras com 12 Mp também estão presentes no iPhone 12, sendo duas na traseira, uma principal e outra ultrawide que em boas condições de luz produzem fotos excelentes, assim como a câmera frontal que também é de 12 Mp. Inclusive, ela tem modo retrato bem mais natural do que o anterior iPhone XR, já que é feito com sensores e não por software. 

Para vídeos, o aparelho é capaz de fazer registros em 4K em todas as câmeras, mas apenas a principal possui estabilização óptica de imagem que é feita no sensor da câmera ultrawide. Inclusive, as duas câmeras operam ao mesmo tempo em foto, logo, se você cortar uma cabeça ou um pé usando a lente wide, basta esticar a imagem para resgatar o que ficou de fora. Já para fotos noturnas, apenas a câmera principal está habilitada com essa função.  

Bateria: melhor que em modelos anteriores, mas ainda abaixo da média

Embora não seja um rei da autonomia energética, o iPhone 11 não possui uma bateria tão problemática quanto alguns iPhones de gerações anteriores. Com 3110 mAh o aparelho o é capaz de um dia inteiro de autonomia na mão de usuários menos intensos, mas quem fica o dia inteiro com o aparelho na mão, possivelmente deve precisar carregá-lo depois de apenas cinco ou sete horas fora da tomada.

Vale lembrar que o iPhone 11 já entrou na leva de aparelhos que não possuem carregador na caixa, mas por ter suporte ao carregamento sem fio, caso possua uma base da cerramento mais recente é bem provável que ela seja compatível com o iPhone 11, o que já garante uma boa economia de dinheiro. 

Preço e principais concorrentes

O preço médio atual do iPhone 11 é deR$4.000 em sua opção mais básica com 64GB e de 5.000 no modelo com 256 GB.  Aqui no Promobit o iPhone 11 de 64 GB já esteve por R$3.600. Como os usuários de IOS costumam migrar de uma geração para outra de iPhones, os concorrentes diretos do iPhone 11 atualmente estão dentro do catálogo de aparelhos da Apple.

O iPhone 12 lançado em 2020 possui desempenho um pouco melhor, evoluiu em tela com um display em tecnologia OLED e tem preço médio atual de R$4.700. Para quem quer mais câmeras o IPhone 11 possui também uma lente zoom, mas nesse caso fica com preço consideravelmente maior, cerca de R$6.300. 

Quer receber avisos sempre que aparecer iPhone 12?

iPhone 11 é bom? 

Os aparelhos da Apple costumam envelhecer bem em termos de desempenho e permanecem por alguns anos com capacidade alta de processamento e usabilidade fluida graças a grande quantidade de atualizações.Logo, investir em um aparelho de 2109 como no caso do iPhone 11 não é um problema. 

Que o iphone 11 é bom ninguém duvida, mas a grande dúvida no momento de comprar o aparelho está no preço. Observando o que o iPhone 11 entrega e o preço do iphone 12, o aparelho mais antigo faz sentido se estiver custando algo em torno dos 4 mil reais, já que na faixa de preço acima já é possível adquirir o Iphone 12 que possui algumas evoluções em comparação com a geração anterior. 

Ficha técnica- iPhone 11

TelaLiquid Retina IPS, 6,1, HD+
ProcessadorA13 Bionic
Ram4 GB
Armazenamento64/ 128/ 256 GB
Câmeras traseiras12 MP: wide, 12 MP: ultrawide
Câmera frontal12 MP
Bateria3110 mAh 
Dimensões e peso150.9 x 75.7 x 8.3 mm– 194 g

Seja iPhone ou Android, as melhores promoções de smartphone estão aqui no Promobit. Para economizar ainda mais em suas compras aproveite o cupom Casas Bahia.

Veja também