Campanha Super Deals - Aliexpress
Promobit Explica

Drones em viagens, vale a pena usá-lo para vídeos e fotos?

Os drones são uma boa alternativa para a captação de imagens. Mas e imagens de drones em viagens? Será que vale a pena? Confira

Avatar do membro Bruno Braga

Bruno Braga

24 de dez de 2022

0 comentários

Compartilhe:

Para quem tem o costume de viajar, poder registrar momentos, vistas e paisagens é parte importante da experiência. E para não ficar “limitado” a conseguir fotos e vídeos apenas em ângulos e possibilidades que um celular ou uma câmera oferece, o drone se tornou uma grande alternativa para diferentes tipos de fotos e vídeos em viagens. Mas será que realmente vale a pena levar drones em viagens? 

Pontos a se atentar nos drones em viagens 

Primeiramente, um dos pontos mais importantes é que, por mais que pareça, pilotar um drone não é uma tarefa fácil. Portanto, caso seja a sua primeira vez levando o drone para uma viagem, estude, pratique e aprenda para não ter maiores dificuldades quando mais precisar. Lembrando que existem diferentes tipos de drone, e modelos mais simples podem ser melhores para iniciantes. 

E em caso de ainda for comprar o drone, se atente ao modelo e suas especificações. Para que suas necessidades sejam atendidas, é importante saber sobre o potencial da qualidade de suas imagens, quanto tempo ele dura no ar e o quão distante ele pode ir sem que você perca o controle. 

Ao definir um destino, sendo ele um outro país, se informe sobre a lei local sobre drones. Diferentes países possuem diferentes leis sobre uso de um drone, podendo variar sobre a limitação da altura de voo, e os tipos de locais em que é permitido voar. Lembrando que, em alguns países, voar de drone é proibido. 

Lembre-se de homologar o drone, outro processo importante ao levá-lo em viagens. A Anatel exige que modelos que transmitem radiofrequência sejam cadastrados para uso, e a ANAC, responsável pela regulamentação de drones no Brasil, dita que drones com mais de 250g sejam cadastrados também. 

E por fim, transporte o drone da melhor forma, principalmente em viagens de avião. De forma geral, não existe nenhuma lei ou norma sobre o transporte em si. Então vale o padrão de levar na bagagem de mão por ser algo de valor. Porém, drones que contém bateria recarregável com base em íon lítio, devem ser transportados fora do aparelho também na bagagem de mão, desde que ela não tenha mais de 160 Wh. A razão disso, é o fato da bateria, caso equipada no drone, correr o risco de entrar em combustão espontânea.   

Tipos de viagem para se levar um drone 

Apesar do ditado “relembrar é viver”, nem sempre o drone é a melhor opção para “reviver” uma viagem. Além de todas as questões já abordadas, sobre leis, transporte e etc, em algumas situações, optar pelo drone para fazer fotos e vídeos em uma viagem pode ser um pouco exagerado e uma dor de cabeça à toa

Geralmente, o uso ideal de drones se dá em viagens com grandes paisagens em locais não tão povoados. Não só para conseguir melhores imagens sem interferências, mas principalmente porque a maioria das leis de uso de drones estão atreladas a lugares povoados. 

Paisagens mais naturais, como montanhas e praias, tendem a ser os lugares ideais para fazer imagens mais amplas, onde o potencial do drone será levado ao máximo. Por outro lado, viagens mais urbanas não costumam ser tão boas opções de uso para um drone, sendo melhor captar fotos e vídeos com uma câmera ou utilizando o próprio celular. 

Modelos de drones para viagens

Conforme já citado, os drones possuem diferentes modelos, com diferentes funções, indo dos mais básicos aos mais completos. Pensando nisso, confira alguns modelos que tem como principal foco a captura de imagens e vídeos: 

DJI Mavic 2 Zoom 

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Além de possuir uma boa câmera, capaz de gravar vídeos em 4K, o diferencial deste modelo é o zoom óptico, sendo possível captar imagens a longa distância com alta qualidade. Se trata de um bom drone para viagens por poder voar até 8 KM de distância, com uma bateria que dura mais de 30 minutos.  Seu preço fica na casa dos R$ 15 mil. 

DJI Mavic 2 Pro

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Sendo um dos modelos mais avançados da atualidade, o Mavic 2 Pro grava vídeo em 4K, com HDR tanto para vídeos quanto para fotos. Sua câmera Hasselblad L1D-20c permite imagens de 20MP com cores detalhadas. Ele pode ser adquirido a partir dos R$ 20 mil. 

DJI Tello

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Caso o preço dos drones esteja te assustando e te afastando da ideia, temos aqui uma opção mais em conta. Além de ser mais barato e mais básico, ideal para quem ainda está aprendendo a voar com um drone, conta com uma boa configuração para um modelo simples. Grava vídeos em até 720p e tira fotos em 5MP. Pode parecer fraco, mas para o seu preço, que custa em média R$ 700, é mais do que justo. 

Vale a pena drones em viagens: Veredito

Vale a pena para usos e em lugares específicos. Uma trilha em ambientes naturais, uma visão do topo de uma montanha, onde terão imagens abertas e panorâmicas, valem super a pena. Do contrário, apesar de poder trazer resultados interessantes, o mais provável é que gere mais dor de cabeça do que momentos agradáveis.


Aproveite as ofertas de câmeras e filmadoras do Promobit, e utilize os cupons Aliexpress para economizar ainda mais em suas compras