Promobit
Promobit
Artigos

Cuidados com eletrônicos na praia para evitar prejuizos

Para você que não abre mão de levar os seus aparelhos eletrônicos para a praia, confira as nossas dicas de como protegê-los à beira mar e não passar perrengue.

Cuidados com eletrônicos na praia para evitar prejuizos

31 de dez de 2021

0 comentários

Compartilhe:

Com a chegada do verão e das férias, as praias brasileiras recebem o dobro, ou o triplo de visitantes que costumam receber em outras épocas do ano. Mas, seja um visitante ou um morador local, o fato é que ninguém deixa de levar seus eletrônicos para a areia e, porque não, para o mar também. Afinal, de que adianta estar curtindo o momento e não registrá-lo e postá-lo nas redes sociais? E como não ouvir aquela playlist que é a cara do verão, enquanto aproveita o sol, o mar e as companhias? 

Seja para ficar informado, se fazer encontrar ou achar alguém, para ouvir uma música gostosa, ou registrar os momentos, um notebook, tablet, smartphone, câmera, caixa de som portátil são itens úteis para curtir uma praia. Mas, assim como você deve se proteger do sol e se hidratar, por exemplo, é preciso ter alguns cuidados básicos com esses eletrônicos, quando são expostos ao calor, areia, maresia e água, principalmente a salgada. Então, veja alguns cuidados básicos que você deve ter com seus equipamentos, enquanto estiver curtindo o clima praiano!

Quer receber avisos sempre que aparecer smartphone?

Protegendo os gadgets na praia

Quando são expostos às intempéries comuns ao ambiente praiano, calor, maresia e areia, os gadgets tendem a dar curto ou enferrujarem em seu interior, podendo causar erros aleatórios, reinicialização e problemas de comunicação, por exemplo. Por isso, vamos aos “inimigos do rolê” e, também, saber como proteger os eletrônicos em cada caso.

Leia mais:
  • Gadgets que fazem toda a diferença na hora de viajar
  • O que é mala de viagem de ABS?
  • Como viajar barato: 7 dicas para economizar sem deixar de se divertir

Calor

Menos óbvio do que a água e a areia, a alta temperatura é uma super inimiga dos seus equipamentos. Não é à toa que normalmente utilizamos cooler em notebooks, certo? Isso porque o calor prejudica principalmente a bateria, tornando-a ineficiente, além de desabilitar os aparelhos temporariamente, e pode causar danos irreversíveis à unidade central de processamento do smartphone, por exemplo. 

Com certeza seu celular já deve ter desligado alguma vez, por ter esquentado demais, e você nem se deu conta de que o motivo era o calor. Portanto, para não correr risco de explosão ou dano permanente ao gadget evite expor ele a temperaturas muito altas, acima de 35º ou aos raios solares por muito tempo. Guarde-os na sombra sempre que possível, em um espaço fresco e escuro, e remova aplicativos e recursos extras que você não esteja precisando.

Areia

Praia é sinônimo de areia. E ela costuma grudar em tudo, inclusive nas roupas e no carro. Portanto, não é diferente no caso de um gadget desprotegido. Grãos de areia podem riscar as telas, arranhar lentes, entrar em frestas e buracos, como dos fones, e comprometer o funcionamento dos eletrônicos. Por isso, o ideal é levá-los em cases e embalagens protetoras para evitar o contato direto com a areia, enquanto estiver utilizando um equipamento na praia.
Ah! Caso o seu eletrônico caia na areia, evite assoprar, já que esse gesto pode inserir mais grãos e sal no interior dele. 

Maresia 

Ah! A maresia… o principal vilão dos praianos hi-tech! Um fenômeno de rebentação das ondas do mar, que lança pequenas gotículas de água e sais marinhos no ar, formando uma névoa que vai longe. Esse vento salgado da praia pode causar curto-circuito nos eletrônicos, por exemplo, já que o sal é um condutor de eletricidade. E com o tempo essa umidade também pode causar corrosão ou ferrugem. 

Assim, seja você um morador ou um visitante do litoral, limpe seus aparelhos no retorno da praia para remover a maresia, cubra os aparelhos, quando não estiverem sendo usados, com capas bem fechadas. 

Água

Um bom mergulho no mar refresca, lava a alma e precisa ser postado nas redes sociais. Mas e se o smartphone, a câmera ou o tablet molhar? Por isso, antes de levar o gadget com você para o mar, uma boa opção é colocar uma capa protetora à prova d’água no seu dispositivo. Busque por cases impermeáveis específicos para o seu gadget para obter a máxima proteção possível. Lembrando que a GoPro é uma ótima pedida, em vez de outros aparelhos!

Caso o celular dê um mergulho sem estar protegido, desligue-o e procure uma loja especializada. Caso não encontre uma assistência técnica, uma saída é lavar em água potável para retirar o sal, desligar o aparelho, tirar a bateria e colocá-lo em um recipiente com arroz ou aveia, para que a umidade seja absorvida. De qualquer forma, procure a assistência para que possam avaliar o estado do eletrônico. 

Quer receber avisos sempre que aparecer smartphones?

Portanto, você viu que o manuseio correto, a utilização de acessórios protetores, uma limpeza bem feita e evitar a exposição direta à luz solar e ao calor, enquanto você aproveita o dia de praia, são cuidados essenciais para que os aparelhos permaneçam intactos e em funcionamento. 


Agora que você já sabe como proteger seus gadgets na praia, aproveite as ofertas de acessórios para smartphones e os cupons de desconto para economizar ainda mais em suas compras!