topbar_amazon_bookfriday
Guia de compras

Galaxy M12 é bom? Análise do aparelho básico da Samsung

Aparelho é o mais barato da linha Galaxy M, mas encontra-se com preço bastante competitivo.

Avatar do membro Vinicio Rolim Lira

Vinicio Rolim Lira

18 de out de 2022

0 comentários

Compartilhe:

Desde a chegada do Galaxy M31 ao Brasil, a linha M da Samsung ganhou um novo foco: aparelhos com bom custo-benefício e baterias generosas. O Galaxy M12, lançado em junho de 2021, não foge a regra e apresenta boa autonomia de bateria em um aparelho focado no uso básico. Mas será que o Galaxy M12 é bom ainda em 2022 ou é melhor optar por outros smartphones mais recentes e da mesma faixa de preço? Para saber o que esperar do Galaxy M12 confira a nossa análise do aparelho de entrada da Samsung. 

Para economizar na compra de um novo smartphone ou de qualquer outro produto durante a Black Friday, que está chegando, basta acessar o Promobit e não perder nenhuma oferta durante o evento.

Ficha técnica

TelaLCD IPS, 6,5”, HD+
ProcessadorExynos 850
RAM4 GB
Armazenamento64 GB
Câmeras traseiras48 MP (wide), 5 MP (ultrawide), 2 MP (macro), 2 MP (profundidade)
Câmera frontal8 MP
Bateria5.000 mAh – carregador de 15W

Design

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Como um típico aparelho básico, o Galaxy M12 não possui design sofisticado, sendo feito todo em plástico, mas o modelo possui um visual interessante, principalmente na traseira com listras verticais que oferecem mais identidade ao aparelho e que o diferencia de outros smartphones da mesma faixa de preço que costumam ter visual genérico. 

O Galaxy M12 possui, ainda na lateral esquerda, botão de volume e botão físico que divide função de botão de energia e leitor biométrico, enquanto, na traseira, encontra-se a porta USB tipo C e entrada para fones de ouvido, porém o acessório não está incluso na caixa do smartphone. Já na parte da frente, há um visual mais tradicional com notch em formato de gota para abrigar a câmera frontal. 

Tela

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

O display do dispositivo possui boa dimensões, com 6,5 polegadas com resolução HD+ (720 x 1600), mas se a resolução não é das melhores, o display IPS apresenta ângulo de visualização e taxa de atualização de 90 Hz, dando ao usuário a opção pela atualização dinâmica que oscila entre 60Hz e 90 Hz de acordo com a necessidade ou travar a tela com taxa de atualização em 90 Hz.

Embora não seja ruim, a resolução HD+ é um dos fatores que posicionam o Galaxy M12 como um aparelho de entrada, já a taxa de atualização de 90 Hz poderia ser um diferencial significativo, mas a capacidade de desempenho limita um pouco a fluidez. 

Desempenho

O Galaxy M12 é equipado com processador 4GB de RAM Exynos 850 desenvolvido pela própria Samsung e que equipa também outras modelos da marca, como o Galaxy A21s, e é um bom processador para uso mediano, inclusive com vários aplicativos abertos ao mesmo tempo. O chip até suporta rodar boa parte dos jogos em qualidade média, mas não é capaz de rodar os títulos com atualização de quadros superior aos 60 Hz, logo o que poderia ser um diferencial da tela do aparelho, fica mais restrito a navegação. 

Com 4 GB de RAM e 64GB de espaço interno, fica claro que o Galaxy M12 está no limite da configuração de um smartphone básico em 2022 para utilização sem ter dores de cabeça com travamentos. Mas alguns engasgos são inevitáveis, principalmente com o passar do tempo. 

Câmeras

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Para fotos e vídeos encontramos no Galaxy M12 um conjunto óptico com boa quantidade de câmeras, mas com qualidade apenas boa para a faixa de preço. A lente wide de 48 MP é a que mais se destaca ao proporcionar fotos equilibradas em boas condições de luz. Já a lente wide de 5 MP é sempre uma opção versátil, mas, no Galaxy M12, possui sistema de foco fixo.

O aparelho apresenta ainda na traseira um sensor de profundidade para desfoque em modo retrato e uma lente macro de 2 MP, tamanho de sensor que dificulta obter fotos com boa qualidade sem condições ótimas de luz. A câmera frontal é de 8 MP e a capacidade de vídeos fica limitada a resolução Full HD a 30 quadros por segundo. 

Bateria

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior
Fonte: Samsung

A linha Galaxy M já é famosa pela sua grande autonomia energética, com baterias que chegam a mais de 6.000 mAh. Esse não é o caso do Galaxy M12 com seus 5.000 mAh, mas, devido a capacidade de desempenho do aparelho não ser das maiores, a bateria do dispositivo é capaz de durar bastante tempo, principalmente se a taxa de atualização ficar travada nos 60 Hz. 

Galaxy M12 é bom? Preço e principais concorrentes

O preço médio do Galaxy M12 no momento da publicação desta análise é de R$ 990, mas, aqui no Promobit, o modelo já esteve disponível por R$870, valor que faz o aparelho uma ótima opção para quem busca um smartphone com bom desempenho por até 1 mil reais, mas não é só o valor médio atual que faz o Galaxy M12 ser um bom aparelho. 

Entre os principais concorrentes do Galaxy M12 estão o Moto G20 da Motorola que possui desempenho um pouco melhor e bateria inferior, Galaxy A21s com conjunto de câmeras mais completo e o Realme C25 que possui câmeras inferiores e bateria de maior capacidade. Mas os três aparelhos possuem preço médio superior ao Galaxy M12, tornando o modelo que analisamos a melhor opção para quem busca gastar pouco e ter um bom smartphone para as tarefas básicas do dia a dia sem preocupar-se com a bateria.

Porém, caso queira um aparelho mais recente, com especificações mais atuais e com preço semelhante, o Moto G31 conta com tela Amoled e espaço interno de 128 GB, enquanto o Galaxy A13 da Samsung possui câmera principal de 50 MP.


O lugar para encontrar celular Samsung em promoção é aqui no Promobit e para economizar inda mais na compra do seu novo aparelho, aproveite o cupom Americanas ou cupom Ponto.