Take a fresh look at your lifestyle.

Site cria playlists personalizadas para o Spotify

A plataforma Nelson permite que o usuário brinque com os algoritmos e crie playlists personalizadas para o Spotify

A engenheira do Spotify Arielle Vaniderstine publicou seu mais novo projeto no Twitter: Nelson, uma plataforma para navegador que permite que usuários da versão Premium do aplicativo de música brinquem com as várias categorias de recomendações geradas pelos algoritmos e criem playlists personalizadas para o Spotify.

“Dica do dia: Nelson. Usa as recomendações da plataforma Spotify e Web Playback SDK para tocar a música perfeita no seu navegador. É a versão 1, feedback é encorajado.”

Ainda em fase beta, o aplicativo Nelson permite que o usuário filtre os tipos de resultados que deseja obter, a partir de categorias que já são usadas pelo Spotify para sugerir músicas para os usuários. Se criar uma playlist que você goste, você pode salvá-la no Spotify para escutá-la depois em seu smartphone.

algoritmos playlist spotify
Brinque com os algoritmos do Spotify

O aplicativo permite que você escolha uma boa variedade de gêneros músicais, que vão dos mais “clássicos”, como Pop, Rock, Metal, Eletrônico e HipHop, até “Disney”, Opera, Pagode, “sono” e “comédia”.

Se você está curioso para saber como os algoritmos selecionam o que você gosta de ouvir, aqui está a explicação de cada categoria diretamente do blog dos desenvolvedores do aplicativo:

Acousticness: medida de 0,0 a 1,0 do quanto o algoritmo tem de certeza de que a faixa é acústica. O 1,0 significa que é muito provável que seja acústica.

Danceability: descreve o quão adequada a música é para dançar, com base em uma combinação de elementos musicais, incluindo tempo, estabilidade do ritmo, força de batida e regularidade geral. Um valor de 0,0 é menos dançável e 1,0 é mais dançável.

Energy: Medida de 0,0 a 1,0 e representa a intensidade e atividade da faixa. Músicas com mais energia geralmente são mais rápidas e altas.

Instrumentalness: Prevê o quanto a música possui de instrumental. Quanto mais próximo de 1,0, mais certeza do algortimo de que a faixa não contém vocal.

Liveness: essa categoria busca identificar se a faixa foi gravado com presença de plateia ao vivo. Quanto mais alto o valor, mais certeza de que havia plateia.

Speechiness: detecta a presenta de palavras na música. Acima de 0,66 indica que a faixa é quase exclusivamente vocal, podendo incluir também faixas de rap.

Tempo: O tempo médio da música em batidas por minuto (BPM).

Valence: mede a “positividade” da faixa, o quão alegre e eufórica ela é (mais perto do 1,0). As faixas mais perto de 0 são “negativas”, mais tristes ou nervosas.

Quer receber avisos sempre que aparecer Fone de ouvido?

O aplicativo não acerta sempre e muitas vezes não conseguiu montar uma playlist para as especificações que eu escolhi. Mesmo assim, é muito divertido brincar com as possibilidades e de brinde você acaba descobrindo algumas boas músicas novas para ouvir.

Aproveite e descubra quais são os melhores fones wireless para usar no smartphone!

Veja também
Comentários

Novo comentário
cancelar
Responder comentário:
Alertas Webpush

Quer receber alertas de novas postagens?

Receba notificações em seu navegador!