Take a fresh look at your lifestyle.

Conheça as opções de serviços de mobilidade urbana

Carro, bicicleta ou patinete: os serviços de mobilidade urbana estão cada vez mais populares e facilitam a vida de quem tem de transitar dentro das grandes cidades.

0

Você se lembra de como era transitar de um lugar para outro antigamente? As únicas opções que haviam era ter carro próprio, recorrer a um ônibus ou pegar um táxi sem saber o quanto pagaria no fim da corrida.

A tecnologia mudou drasticamente a mobilidade dentro das grandes cidades, trazendo ao público opções de carona sob demanda e aluguel de bicicletas ou patinetes elétricos, tudo de forma transparente e funcionando através de um simples aplicativo. Mas você sabe quais são as opções disponíveis e as diferenças entre elas? No artigo de hoje falaremos sobre as opções de serviços de mobilidade urbana.

Carona sob demanda – Uber, Cabify e 99

Os serviços de carros sob demanda surgiram como opção aos táxis oferecendo comodidades como selecionar o destino e ver o caminho que será percorrido, saber antecipadamente quanto custará a corrida, pagar com cartão de crédito e poder fazer tudo isso através de um aplicativo.

Exemplos de serviços do tipo são Uber, 99 e Cabify, os mais populares no Brasil. Embora sigam um modelo de negócios semelhante, cada um oferece opções próprias para conquistar a preferência do usuário, que podem ser corridas mais baratas e compartilhadas, cupons de desconto e mais opções de carros para viajar.

uber

Os usuários desses serviços podem acompanhar pelo aplicativo o trajeto que está sendo feito e têm à mão informações sobre o motorista e veículo, podendo ver como as demais pessoas os avaliaram. Cada empresa faz uma verificação diferente de seus motoristas e algumas exigem até treinamento para que eles possam trabalhar para a plataforma.

Leia também: Qual o melhor: Cabify, Uber ou 99?

Aluguel de bikes – Itaú, Bradesco, Yellow

O aluguel de bicicletas ficou popular com a expansão do Bike Itaú, serviço do banco Itaú que possui estações em lugares específicos da cidade e oferece bicicletas por um preço acessível. É uma ótima forma de realizar trajetos curtos sem se preocupar com o trânsito das grandes cidades e ainda praticar exercícios.

Infelizmente, assim como CicloSampa do Bradesco, o serviço se restringe à cidade de São Paulo e é limitado pelas estações que não estão instaladas em todos lugares — e, em alguns casos, são muito afastadas de outras.

Yellow Bike

A Yellow oferece um serviço similar ao do Itaú e Bradesco, mas que não possui a limitação das estações. Operando no modelo dockless, que possibilita que o usuário encontre e deixe a bike em locais públicos como calçadas ou parques, a Yellow oferece mais liberdade para quem quer ir de um lugar ao outro — do metrô até o trabalho, por exemplo — sem ter que se preocupar se haverá uma estação próxima.

Leia também: Yellow – Aluguel de bikes: O que é e como funciona?

O serviço começou a operar em agosto de 2018 e inicialmente atendia a Grande São Paulo. A euforia parece ter sido maior do que a empresa esperava e foi contida no mês seguinte, quando a Yellow limitou a área de atuação para algumas áreas da cidade de São Paulo.

Com promessa de expandir a área de atuação em 2019, a Yellow é uma das principais opções entre os serviços de mobilidade urbana sustentáveis sobre duas rodas. A chinesa Mobike também deve iniciar sua operação no país este ano, movimentando o segmento e trazendo mais concorrência.

Aluguel de patinetes elétricos – Yellow, Grin, Ride e Scoo

Como uma alternativa aos pedais, também chegaram ao Brasil em 2018 serviços de aluguel de patinetes elétricos que funcionam no modelo dockless. Yellow, Grin, Ride e Scoo disponibilizam alguns patinetes em áreas limitadas da cidade de São Paulo que podem ser desbloqueados e deixados em qualquer lugar (dentro da área de atuação).

O preço varia dependendo da empresa, mas, no geral, são mais altos do que o das bikes. O preço superior faz sentido, uma vez que o custo por veículo é maior e sua manutenção é mais complexa. Os patinetes também devem ser recolhidos com maior periodicidade para recarga das baterias.

patinetes ride

Os patinetes elétricos são ótimos para quem deseja andar em parques e ciclovias, não tem forças para pedalar ou deseja subir ruas íngremes que normalmente exigiriam esforço e tempo. A velocidade depende do local onde se está utilizando e da empresa que administra, mas alguns modelos disponíveis no Brasil podem chegar a até 30km/h.

A opção ainda é novidade e a fase de testes já deixou claro que algumas medidas devem ser tomadas para evitar vandalismos e incentivar os usuários a levarem os patinetes para recarregar as baterias. Parcerias estão sendo firmadas entre as empresas do setor e comércios e instituições.

Outras opções em mobilidade urbana

Ainda há outras opções para quem precisa transitar dentro da cidade, cada um atendendo públicos com preferências e necessidades específicas.

Caronas – BlaBlaCar, Waze Carpool

O valor das viagens sob demanda no Uber ou 99 pode ser bem alto dependendo do trajeto e horário, então por que não aproveitar o veículo de alguém que faça o mesmo percurso que você, no mesmo horário, e esteja disposto a dar uma carona?

Essa é a proposta de aplicativos como o BlaBlaCar e Waze Carpool, que visam tirar carros das ruas e fazer os usuários economizarem tempo e dinheiro compartilhando uma corrida para o mesmo lugar. Pelo aplicativo as pessoas podem combinar um local de encontro e escolher com quem querem viajar.

O valor das viagens varia dependendo do trajeto, mas no geral é bem baixo, sendo muito útil para quem precisa percorrer um caminho que não é completamente coberto pelas linhas de metrô ou itinerário dos ônibus.

Transporte por helicóptero – CabiFly

O aplicativo de caronas sob demanda Cabify, em parceria com a Voom (empresa subsidiária da AirBus), oferece também na cidade de São Paulo o CabiFly, uma plataforma que conecta viajantes a helicópteros.

Através do próprio aplicativo é possível agendar voos para horários específicos e definir o local de saída e de destino. É claro, os helicópteros necessitam de helipontos para pegar e deixar os passageiros, por isso o funcionamento deles é limitado pela quantidade de pontos disponíveis e usuários reservando helicópteros.

Assim como no próprio Cabify, o valor de cada voo varia dependendo da rota. Você já deve imaginar que utilizar o serviço não é nada barato, mas pode simular o valor de um voo no site do serviço.


Você utiliza algum dos serviços de mobilidade urbana citados aqui? Tem alguma opção útil que esquecemos de mencionar? Não deixe de nos contar sua experiência e enviar sua sugestão!

Na nossa área de cupons, você também pode encontrar cupom uber e cupom 99 para economizar ainda mais na corrida. 

Veja também
Comentários

Novo comentário
cancelar
Responder comentário:

Quer receber alertas de novas postagens?

Receba notificações em seu navegador!