Take a fresh look at your lifestyle.

K10 Novo, smartphone intermediário da LG, chega ao Brasil em três sabores

A LG atualizou sua linha de smartphones intermediários. Desta vez, o mais interessante deles, K10 Novo, vem não em um, mas em três versões.

Publicações especializadas, rumores e entusiastas de smartphones costumam dar muita atenção ao topo das listas de produtos, ou seja, aos smartphones mais caros e com os recursos mais inovadores. Mas é nas gamas de entrada e intermediária que a maioria das empresas costumam apostar mais — o custo-benefício mais atraente delas alcança mais consumidores. Na LG, esses aparelhos foram unidos na linha K. No começo de fevereiro, a fabricante sul coreana anunciou a nova geração dela, com destaque para o LG K10 Novo.

Já conferiu o que alguns portais falaram da gente?

A nova família K10

 

LG K10 Novo

Melhor dizendo, para os LG K10 Novo, já que agora são três modelos distintos disponíveis. Todos eles contam com o mesmo processador (octa-core da Mediatek), 2 GB de RAM, 32 GB de memória interna e câmeras de 13 (principal) e 5 megapixels (frontal, com lente grande angular de 120 graus). A LG destaca, também, o desenho das bordas, suavizadas no que se convencionou chamar de “2,5D”. Na prática, significa que a o vidro frontal faz uma pequena curva ao chegar às bordas.

Outra coisa legal da nova família K10 é que os aparelhos já saem de fábrica com o Android 7.0 “Nougat”, a versão mais recente do sistema operacional do Google. Como é raro as fabricantes darem atenção às atualizações do Android, especialmente nos segmentos de entrada e intermediário, comprar um smartphone com a versão mais atual é uma boa estratégia para não ficar para trás nas versões do Android muito rapidamente.

Sobre as variantes, elas focam em aspectos valorizados pelo consumidor. A primeira é a “básica”, chamada apenas de K10 Novo, e é posicionada como um smartphone intermediário convencional, com preço competitivo e configurações equilibradas. Por ora, é a única já disponível para compra no varejo nacional, nas cores dourado, preto e titânio, pelo valor sugerido de R$ 1.199.

Em seguida, temos o K10 Power, que, como o nome adianta, se destaca pela bateria — são 4400 mAh contra 2700 mAh do K10 Novo. Outras diferenças consistem na tela, que é levemente maior (5,5 polegadas contra 5,3) e nas presenças de um receptor de TV digital e de um flash para a câmera frontal. O preço sugerido é de R$ 1.399.

Fecha a família o K10 Pro, a variante com canetinha Stylus similar àquela do Galaxy Note, da Samsung. Além desse acréscimo, tela (5,7”) e bateria (3080 mAh) são maiores que no modelo básico. É o K10 mais caro dos três, com preço sugerido de R$ 1.499. Esse e o K10 Power devem ser lançados no Brasil nas próximas semanas.

Os caçulas K4 e K8

 

LG K4 e LG K8

A LG também aproveitou a oportunidade para atualizar os modelos de entrada, batizados de K4 Novo e K8 Novo. Ambos têm configurações inferiores e, alguns diriam, insuficientes para as demandas do Android atualmente, como ter 1 GB de RAM, por exemplo. A propósito, os dois vêm com a versão anterior, 6.0 “Marshmallow”.

O caso do K4 Novo é mais grave: além da RAM limitada, a tela não é HD (tem resolução de 854×480 pixels) e ele conta com apenas 8 GB de memória interna, espaço insuficiente para guardar apps, jogos, músicas e fotos. Seu preço sugerido é de R$ 699 e o do K8 Novo, R$ 899. Eles também chegam ao mercado nas próximas semanas.

Veja também
Comentários

Novo comentário
cancelar
Responder comentário:
Alertas Webpush

Quer receber alertas de novas postagens?

Receba notificações em seu navegador!