Campanha Choice
Guia de compras

Como escolher um notebook: guia para acertar na compra

Abordamos as principais características para ajudá-lo a saber como escolher um notebook de acordo com a suas necessidades de uso.

Avatar do membro Bruno Braga

Bruno Braga

13 de mai de 2024

0 comentários

Compartilhe:

Comprar um eletrônico novo costuma exigir uma pesquisa consideravelmente ampla para conseguir o melhor produto possível dentro do que o seu bolso permite. Essa pesquisa costuma exigir um pouco mais do consumidor quando falamos de notebooks, principalmente por termos uma ampla variedade de marcas mais uma série de especificações para se atentar para escolher o modelo correto dentro da sua necessidade de uso. Portanto, para facilitar seu momento de compra, organizamos neste guia os principais pontos necessários para te auxiliar a como escolher um notebook, junto a uma seleção de bons modelos em diferentes segmentos e finalidades. 

Confira os melhores notebooks para comprar em 2024

MacBook Air M2Melhor notebook Apple 
Samsung Galaxy Book3 UltraTela e portabilidade
ASUS Vivobook Pro 15Design fino e configuração potente
Acer Nitro 5Notebook Gamer custo benefício
Galaxy Book2Leve e prático
ASUS TUF Gaming F15Melhor modelo gamer 
Dell G15 5530Notebook gamer com design robusto
Acer Aspire 5Melhor custo-benefício
ASUS Vivobook X513EABarato e compacto 
Lenovo Ideapad 3iIntermediário entre baratos
Samsung BookIntermediário de entrada 

Dicas de como escolher um notebook

As primeiras coisas a se levar em consideração antes de comprar um notebook são a marca do produto e o preço cobrado. Por mais que seja tentador, não pule de cabeça em um modelo que esteja muito barato, principalmente se for de uma marca que você nunca ouviu falar.

Nesse caso, recomendamos considerar as marcas já estabelecidas no mercado e com boa reputação. Dell, Samsung, Asus, Acer e Lenovo têm modelos muito bons para qualquer tipo de uso com valores que vão desde o acessível até o astronômico. Todas oferecem garantia para seus produtos, serviço de pós-venda e até suporte extra. É claro que essas marcas cobram um pouco mais caro por seus produtos em comparação com as desconhecidas, mas lembre-se de que você está pagando mais pela qualidade superior, pela tranquilidade de estar com um bom produto em mãos e pela garantia e suporte oferecidos.

Outro ponto a ser considerado é o balanço entre as especificações da máquina e o seu perfil de uso. Saiba quais são as tarefas que realizará antes de escolher o notebook e evite gastar muito mais dinheiro do que deveria comprando um aparelho que entrega muito mais do que você realmente precisa em suas tarefas diárias ou acabar escolhendo um notebook que não atende as suas necessidades.

Caso não entenda sobre informática, lembre-se apenas de considerar a regra quase absoluta ao ver os números nas especificações: maior = melhor = mais caro. Um notebook com processador i3 e 4GB de RAM é relativamente barato e não é recomendado para tarefas exigentes como jogos, assim como um i7 com 16GB de RAM é caro e muito mais do que alguém precisa para uso simples diário.

Principais pontos de atenção ao escolher um notebook

Tela

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

A maioria dos notebooks possuem telas de pelo menos 15 polegadas, com modelos que podem ser um pouco menores e outros mais recentes e mais avançados com telas maiores, mas dentro da média das 15.6 polegadas já é uma boa escolha. Quanto a resolução não precisa se preocupar já que até os modelos mais básicos da atualidade possuem resolução Full HD. O tipo de tela também é importante e impacta diretamente na forma de uso. Telas TN estão presentes nos modelos mais baratos, possuem bom tempo de reposta mas são inferiores no quesito fidelidade de cores, ângulo de visão, brilho e contraste.

As telas VA ficam em um meio termo, geralmente equipadas em modelos intermediários, não sendo a melhor opção no quesito tempo de resposta, mas com brilhos intensos e alto nível de contraste, e não fazendo feio quanto a reprodução de cores e ângulo de visão. Já as telas IPS se destacam em todos os quesitos, mas principalmente na fidelidade de cores, sendo as mais recomendadas para usos profissionais que dependam desse quesito. Felizmente, mesmo sendo o tipo mais avançado, as telas IPS podem ser encontradas em modelos intermediários de entrada que não possuem um preço elevado. Telas de mais alto nível como as AMOLED ainda são exclusivas de modelos top de linha.

Memória RAM

Ponto importante ao escolher um notebook, principalmente visando o longo prazo. Atualmente, o mínimo recomendado para qualquer notebook são 8GB de memória, mas investir um pouco mais em um modelo com 16 – que é o recomendado – certamente fará sua vida mais prática e rápida ao utilizar o notebook. Há quem diga que “memória RAM nunca é demais” o que não está de todo errado, já que a memória RAM trabalha armazenando informações para serem usadas a curto prazo, logo, para utilizar bem mais de um programa ao mesmo tempo, ou com várias pastas abertas em conjunto, é ideal ter mais de 8GB de memória RAM.

Processador

Sendo um requisito importante para um bom funcionamento do notebook em qualquer forma de utilização, recomendamos modelos com pelo menos um processador i5 de décima ou décima primeira geração (geralmente descritos como i5-10XX/i5-11XX na ficha técnica) ou os modelos equivalentes da AMD que são os Ryzen 5 á partir da linha 3600. Notebooks na faixa dos 3.000 reais atualmente já contam com processadores desse nível. Importante se atentar a geração dos processadores, já que um i7 não será necessariamente superior a um i5 caso eles sejam de gerações muito diferentes.

Placa de vídeo

Modelos que custam menos que 4.000 reais contam com memória de vídeo integradas, que fazem parte de seu processador. Logo, possuem capacidade mais limitada, não servindo para aplicações que necessitam de uma memória de vídeo mais robusta, no máximo alguns jogos leves e antigos. Já notebooks que possuem placas de vídeo dedicadas serão consequentemente mais caros, mas possibilitarão usos mais amplos.

Notebooks gamer mais baratos possuem uma NVIDIA GTX 1650 de 4GB de memória, sendo praticamente um requisito mínimo, mas o recomendado para uma boa performance voltada ao custo-benefício são os modelos com uma RTX 3050. Mas, caso esteja buscando um notebook apenas para trabalhos simples, navegar na internet e assistir filmes e séries, a placa de vídeo acaba não sendo um requisito que demande muita atenção.

Armazenamento

Foi-se a época dos HDs, e atualmente os SSDs estão presentes até nas opções mais baratas do mercado. O SSD é uma unidade de armazenamento que melhora substantivamente o desempenho da máquina, tendo na maioria das vezes o sistema operacional instalado no SSD, fazendo com que o notebook funcione mais rápido até nas coisas mais simples, como ligar, desligar ou reiniciar. Boa parte dos notebooks vem com SSDs de 256 ou 512GB, sendo a segunda opção a mais recomendada para não ter tantos problemas com armazenamento. Mas caso possa investir um pouco mais, aproveite a possibilidade de instalar dois SSDs em um notebook, para um deixar um apenas com o sistema operacional e aplicativos mais importantes, e um outro de mais capacidade (como de 1TB por exemplo) para arquivos e demais coisas pessoais.

Peso

Considerando que a principal característica de um notebook em relação a um desktop é a sua portabilidade, o peso é um fator a se atentar ao escolher um modelo. Notebooks de entrada e intermediários voltados a usos simples ou produtividade geralmente pesam em média de 1,6 a 1,8 kg, um peso Ok para carregá-los em mochilas sem grandes problemas. Já os modelos gamers mais robustos costumam ficar acima dos 2 kg, entre 2,4 e até 2,8, geralmente ficando melhor estando “presos” a uma mesa. E caso busque um meio termo entre desempenho e portabilidade, poderá encontrar em modelos premium da linha Galaxy Book Ultra ou MacBook Air, que ficam na faixa dos 1,5 kg.

Conectividade

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Apesar de todos os notebooks contarem com entradas para cabo de rede e fones de ouvido, é importante entender quais estão presentes em cada modelo para não acabar tendo algum empecilho. Começando pelas USBs, a maioria dos notebooks conta com 2 ou 3 portas, mas que podem ser diferentes entre si, como USB 3.1 que oferecerá uma conectividade mais rápida que uma porta USB 2.0, e que também pode contar com uma USB-C para transferir dados de uma forma mais rápida.

Outra porta comum é a HDMI, para conectar o notebook a um monitor externo ou a uma TV. Mas atenção: caso compre um notebook com placa de vídeo dedicada, é importante verificar se essa porta HDMI está conectada a placa de vídeo dedicada ou a integrada do processador para evitar dores de cabeça ao conectar o notebook a uma tela externa e ela não “der vídeo” ao abrir certos programas. Algumas conexões específicas não estão disponíveis em todos modelos também, como entrada para cartão SD, tão utilizada por profissionais do audiovisual.

Boas opções de notebooks para usos específicos

Para uso diário e estudos

Esse perfil de uso é o mais básico e engloba grande parte das pessoas que não exigem muito da máquina. Dentre as tarefas que consideramos para esse perfil estão: navegar na internet, edição de textos, jogos em flash, reprodução de filmes através da Netflix e outras tarefas básicas.

Todas as citadas acima são coisas simples feitas por pessoas que usam o notebook para lazer ou estudos, sejam crianças, idosos ou adultos.

Lenovo Ideapad 3i

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

A Lenovo tem diversas variações na família Ideapad 3i, mas o modelo com processador i5 de décima geração, 8GB de RAM (expansível até 16GB) e SSD de 256GB é uma das melhores opções para quem não pode gastar muito e quer um notebook básico para uso diário. A tela de 15 polegadas tem resolução 1366 x 768 pixels (HD) e película antirreflexo, enquanto a bateria dura até 3 horas, segundo a Lenovo, portanto recomendamos que o carregador esteja sempre perto.

Compre agora o IdeaPad 3i na Amazon

Para trabalho e jogos leves

Escolher um notebook para trabalho geralmente visa um hardware abrangente para diferentes tarefas, como navegação na internet, edição de texto reprodução de vídeos em qualidade HD, mas priorizando pessoas que utilizam o notebook para trabalhar e têm de lidar com planilhas, navegação com muitas abas abertas e até algumas edições de imagem no Photoshop menos exigentes.

Dell Inspiron I15-I120K-M45P

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Sua ficha técnica é composta de um SSD 512GB, permitindo que o computador ligue, reinicie e acesse arquivos de forma mais rápida, junto a 16GB de memória RAM e um processador i7 de décima segunda geração, garantindo uma ótima performance em qualquer programa que é comumente utilizado em escritório. Sua tela Full HD de 15.6 polegadas provê uma boa qualidade de imagem para o uso diário, sobretudo para o consumo de conteúdo multimídia. 

Compre agora o Dell Inspiron I15-I120K-M45P na Amazon

Para jogar e editar vídeos e imagens

Se você é daqueles que preferem jogar games ainda mais exigentes com especificações gráficas avançadas no notebook e ainda editar fotos e vídeos com maior frequência, recomendamos que opte por modelos gamer de entrada.

Com os notebooks que listamos a seguir você poderá rodar jogos como GTA V, The Witcher 3, COD Warzone, CS2 e muitos outros sem qualquer dificuldade. Edição e criação também não será problema, sendo que qualquer modelo da categoria é capaz de executar Photoshop, After Effects, Corel Draw, Premiere e muitos outros apps.

ASUS TUF Gaming F15

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Escolhido por nós do Promobit como o melhor notebook gamer, com um bom custo-benefício e design robusto, o TUF Gaming F15 conta com especificações ótimas para abranger jogos mais pesados. Sua configuração conta com 16GB de memória RAM DDR5; com um processador Intel Core i7 de décima terceira geração, com um SSD de 512 GB e uma RTX 4050 como placa de vídeo. Sua tela de 144Hz oferece uma ótima fluidez, além de uma representação agradável de cores e bom contraste.

Compre agora o TUF Gaming F15 na Amazon

Acer Nitro 5

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

A Acer tem uma boa linha de notebooks gamer de entrada, com algumas melhorias e no caso dos modelos Nitro 5, os notebooks são bem construídos e bonitos, com teclado retroiluminado bem sólido e detalhes em vermelho nas teclas e na carcaça. As especificações também são boas, com processadores i5,  i7, com foco na performance, memória RAM de 8, 12 ou 16GB (expansível até 32GB) dependendo do modelo; SSD de 512GB e bateria que dura até 7 horas.

Os notebooks da linha são equipados com placa gráfica GeForce GTX 1650 ou GeForce RTX 3060. Elas são capazes de rodar qualquer jogo atual com especificações gráficas ao menos no nível médio para alto, junto a tela de 15.6 polegadas com resolução Full HD. Caso queira escolher um notebook gamer barato, a linha Nitro 5 pode ser a sua cara.

Compre agora o Acer Nitro 5 na Amazon

Macbooks

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Os Macbooks são mais caros do que notebooks de outras marcas, mas ainda assim oferecem muitos benefícios para o público a que ele é direcionado. Por conta disso, é importante entender sua finalidade ao escolher um notebook Apple.

Se você é um desenvolvedor, talvez seja uma boa ideia considerar a compra de um Macbook. O funcionamento simples do software e a maneira como ele trabalha em conjunto com o hardware é algo que você não encontrará em um laptop com Windows. Isso consequentemente dará mais fluidez e segurança para suas tarefas diárias.

Além disso, o produto tem um ótimo custo-benefício pelo fato de seu hardware não ficar defasado com a mesma velocidade que notebooks “comuns”. Modelos do notebook da Apple com processador que normalmente consideraríamos defasados baseado nos padrões de hoje trabalham com desempenho excelente, ainda mais quando há um SSD complementando o conjunto.

Por fim, outro fator determinante para a compra de um Macbook é a qualidade da construção e durabilidade dos produtos. Se você já tem familiaridade com o software da Apple, e precisa de uma máquina que mantenha a boa performance e dure um bom tempo, considere comprar um Macbook. Ele é, sim, um notebook que pode ser usado para estudos, trabalho e tarefas comuns do dia-a-dia, mas, devido ao preço mais elevado, é indicado para perfis mais específicos, como desenvolvedores e editores, por exemplo. Definitivamente não é um notebook para games.

Compre agora o MacBook Air M2 na Amazon


Utilize os cupons de desconto da TerabyteShop para economizar na comprade seus novos periféricos