topbar_amazon_bookfriday
Notícias

Apple apresenta IOS 14 e processador ARM para Macbook

Em evento online voltado para desenvolvedores a Apple apresentou as novidades do IOS 14 que deve estar disponível no final de 2020

Avatar do membro Vinicio Rolim Lira

Vinicio Rolim Lira

23 de jun de 2020

0 comentários

Compartilhe:

Nesta segunda-feira, 22, durante a WWDC 2020, evento anual da Apple focado para desenvolvedores e que esse ano foi realizado online, a Apple apresentou o IOS 14 e os novos chips ARM de fabricação da própria Apple para os Macbooks. Os novos processadores prometem combinar desempenho e economia energética. Confira as novidades apresentadas durante a WWDC 2020.  

IOS 14

Entre as novidades do IOS 14 está o app Library, que promete ser um organizador de app automático reunindo apps em uma única “pasta”, como aplicativos baixados recentemente e arcade com todos os jogos instalados, porém o usuário pode personalizar as suas pastas Library. 

Outro ponto é a aquisição do Widgets, que proporciona janelas interativas para auxiliar na organização da home do iPhone e que podem ser posicionados entre os aplicativos, inclusive com configuração do tamanho. Já para facilitar o acesso a serviços diversos, tem o app Clips que vincula comércios com o iPhone sem a necessidade de baixar um aplicativo. Através de QRCode será possível comprar uma refeição por meio de Apple Pay em estabelecimentos.   

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Uma nova função do IOS 14, que parece pouco acessível no momento, mas que pode tornar-se comum na indústrias nos próximos anos, é o CarKey,  que possibilita o uso do iPhone para abrir o carro através de NFC, além de ser possível compartilhar a chave eletrônica para outros iPhones. O carro pioneiro em compatibilidade com o Carkey será o BMW Serie 5 2021. 

Quem também recebeu upgrades foi a assistente virtual SIRI que, no IOS 14, ganha recurso de tradução de duas pontas, que pode converter uma fala em inglês em conteúdo de texto traduzido para o outro idioma como o português, sendo capaz de fazer o mesmo processo inverso em uma resposta em português. A Siri também passa a ter notificações e apresentação de resultados em tela mais discretos. 

iPAD IOS 14 

Já o sistema operacional para iPads também vai receber Widgets e mais funções para a caneta Apple Pencil, que agora será capaz de converter texto manuscrito, a famosa letra de mão, em arquivo de texto, além de reconhecer endereços, nomes de contatos e números d telefone escritos com a Apple Pencil.  As notificações da Siri, chamadas e barra de pesquisa agora são menores, nos cantos da tela e sem omitir o conteúdo em execução. 

Airpad Pro

Os modelos mais avançados de fone de ouvido sem fio da Apple passam a ter convergência automática entre os dispositivos e isso significa que o usuário pode migrar de um podcast no iPhone para uma série no iPad sem precisar parear os fones. Outro destaque é a presença do recurso de áudio espacial através de de filtros direcionais de áudio. 

watchOS 7

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

O relógio inteligente a Apple ganhou mais possibilidade de personalização da tela inicial e novos modos de exercício, como modo dança. Mas a principal aquisição é a função de monitoramento de sono e uma função que ajuda o usuário a lavar as mãos corretamente de acordo com as recomendações da Organização Mundial de Saúde.

Macbook com MacOS Big Sur e processador ARM

A nova versão do sistema operacional para Macbooks ganhou o nome de MarcOS Big Sur e junto com ele uma interface mais fluida e com transições mais suaves. A Apple reformulou o design de todos os aplicativos e implementou uma central de controle que concentra as principais configurações como brilho, volume com a possibilidade de personalizar a funções que ficam localizadas na central 

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior
Processador ARM

Mas o principal rumor que foi confirmado foi a divulgação do processador ARM de fabricação própria da Apple, que passa a equipar a nova geração de macbooks. Os Macbooks com os novos processadores devem chegar às lojas no final de 2020 e o processador, que é semelhante ao de outros dispositivos da empresa, como o iPhone e iPad, permitirá que o Mac rode os aplicativos para IOS e iPadOS.

De acordo com a Apple aplicativos do Mac desenvolvidos em versões anteriores vão funcionar no novo MacOS com processador ARM e a proposta do novo chip é aliar mais capacidade de desempenho com menos gasto energético. Já a transição entre os atuais processadores da intel para o novo processador deve ser de dois anos segundo estimativa da Apple. 


As melhores promoções de smartphone estão no Promobit. Os modelos das principais marcas podem ficar mais baratos aproveitando o cupom Submarino.