Campanha Choice
Guias de Compra

5 celulares que decepcionaram em 2021

Relembramos cinco modelos de smartphones que pareciam promissores, mas que na prática não agradaram tanto.

Avatar do membro Vinicio Rolim Lira

Vinicio Rolim Lira

30 de dez de 2021

0 comentários

Compartilhe:

A cada início de ano os entusiastas em tecnologia ficam na expectativa sobre os aparelhos que serão lançados ao longo de 12 meses, porém, em meio a grande quantidade de smartphones lançados, sempre é possível selecionar alguns que destacaram-se por não corresponder às expectativas geradas. Confira cinco celulares que decepcionaram em 2021. 

Vale lembrar que a ideia não é falar sobre aparelhos ruins, mas modelos que poderiam ser melhores ou que prometiam mais do que de fato foi entregue pelas fabricantes.

Redmi Note 10 5G

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

A linha Redmi Note da Xiaomi sempre desperta atenção e interesse devido a característica de possuir aparelhos intermediários com ficha técnica competente e preço competitivo. Em 2021 o carro chefe foi o Redmi Note 10 e algumas variações foram lançadas pela empresa como Note 10 Pro, Note 10s e Note 10 Pro Max, mas um deles acabou entregando um pouco menos. 

O Redmi Note 10 5G foi anunciado como um aparelho com 5G e preço competitivo, mas os cortes de custos realizados na ficha técnica do modelo para abrigar a nova conexão móvel fez com que do modelo menos interessantes que seus colegas de linha e com preço não tão acessível. 

Moto G60s

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Embora sejam visualmente idênticos, a diferença entre Moto G60 e G60s é interna. Enquanto o G60 convencional possui processador Snapdragon 732G, o G60s conta com chip Mediatek G95, processador que não é ruim, porém inferior aos Snapdragon em processamento e consumo energético. 

O Moto G60s também possui menos bateria e a câmera principal não conta com 108 MP como no Moto G60, embora o G60s conte com uma lente a mais, uma câmera macro de 5MP.

O grande ponto aqui é que até o momento o Moto G60S possui preço médio anual superior ao Moto G60, sendo que o modelo convencional apresenta ficha técnica melhor. 

Galaxy A52 5G

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

No caso do Galaxy A52 5G encontramos um cenário semelhante ao ocorrido com o Redmi Note 10 5G, porém a diferença entre os aparelhos da Samsung é menor. O Galaxy A52 5G até supera o aparelho convencional em taxa de atualização de tela e processador, porém mantém a mesma bateia e conjunto de câmeras, mas com preço superior ao Galaxy A52 que já é um aparelho muito bom para quem não faz questão da nova rede de internet móvel e ainda engatinha no Brasil.

Galaxy M32 

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

O problema do Galaxy M32 foi a expectativa criada pelo antecessor Galaxy M31 que foi o primeiro aparelho da linha Galaxy M a chamar a atenção pelo ótimo custo-benefício e que abriu caminho para ótimos aparelhos como Galaxy A52 e Galaxy M62. No caso do M32, o modelo segue equilibrado, mas chegou ao mercado com menos bateria que o Galaxy M31, 5.000 mAh conta 6.000 mAh do modelo anterior e não superou seu antecessor e deixou um gosto de frustração em quem esperava seu lançamento.

Moto G20 

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

A inovação apresentada pela linha Moto G em 2021 é inegável, porém o Moto G20 mostrou-se um aparelho deslocado em proposta pois é apenas um pouco melhor que o Moto G10 em tela e em capacidade do processador, porém a quantidade de semelhança entre eles faz com que a escolha do Moto G10 costume fazer mais sentido pelo fator preço.

Sentiu falta de mais algum aparelho que durante os rumores pré lançamento parecia prometer bastante, mas acabou não agradando tanto? Deixe um comentário para acrescentar à lista. 


Confira aqui no Promobit as melhores promoções de smartphones e pode pagar ainda menos na compra do seu novo aparelho com algum cupom de desconto.