top amazon primeday
Promobit Explica

Celular mais barato: opções acessíveis das principais marcas

Com tantas marcas diferentes, saber qual a melhor é uma questão de gosto. Mas qual possui o celular mais barato? Conheça mais sobre celulares acessíveis

Avatar do membro Bruno Braga

Bruno Braga

1 de mar de 2023

0 comentários

Geralmente, os grandes lançamentos das principais marcas de celular ficam para os smartphones topo de linha, com a realização de um grande evento e ampla cobertura em volta. Com isso, é difícil ter uma noção sobre qual o celular mais barato dessas marcas, já que os outros lançamentos das fabricantes muitas vezes são ofuscados ou ficam em segundo plano. E você sabe quais são os celulares mais baratos das principais marcas e, principalmente, quais deles compensam serem adquiridos em 2023 e quais já estão defasados? Confira!

Como os celulares foram escolhidos

Ao falarmos de celulares baratos, preferimos abranger tanto modelos um pouco mais antigos e simples, mas que ainda estão disponíveis no mercado e que podem ser adquiridos atualmente, junto de opções que as configurações não deixam tanto a desejar, mas que ainda assim são baratos. Portanto, falaremos do “celular mais barato” atualmente da Samsung, Xiaomi, Motorola, Realme, com direito a uma menção honrosa no final. Vamos lá. 

Samsung

Podemos afirmar que a Samsung talvez seja a marca mais popular aqui no Brasil. Tendo aparelhos desde o nível mais básico até tops de linha, a marca sul-coreana se tornou um sinônimo de celular, independente do nível. 

Galaxy A01

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Lançado oficialmente no Brasil em Abril de 2020, o Galaxy A01 se destacou por ser um aparelho que caia como uma luva para usuários mais simples, que buscam em um celular apenas um bom uso para mensagens e redes sociais. O processador Snapdragon 400 corrobora com essa percepção, sendo um dos chipsets mais básicos da Qualcomm na época. 

Porém, sua tela LCD com resolução HD+ não fazia feio para um celular básico. Acabou ganhando um pouco mais de notoriedade no ano seguinte, dentro de seu segmento, devido às críticas que o A02 sofreu quando lançado.  

O Galaxy A01 já apareceu aqui no Promobit por R$ 599,00

Galaxy A13

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

O Galaxy A13 foi um grata surpresa no segmento básico em 2022, não só por oferecer uma configuração dentro da média do que é considerado bom para um aparelho de entrada, mas também por possuir características de celulares um pouco mais avançados, como conectividade 5G. 

Em suas configurações consideradas dentro da média, o A13 possui 4GB de memória RAM e 128GB de memória interna, além de uma bateria de 5.000 mAh e uma tela IPS Full HD de 90 Hz. O único ponto que o aparelho pode deixar um pouco a desejar é em seu conjunto de câmeras, mas de forma geral, é uma baita opção para usuários mais básicos. 

O Galaxy A13 já esteve disponível por R$ 975,57 aqui no Promobit. 

Xiaomi

Saímos de uma marca consagrada para a que, provavelmente, mais cresceu nos últimos anos. Com os smartphones ficando cada vez mais caros, a Xiaomi despontou como sinônimo de celular mais barato em relação a outras grandes marca. Apesar de também possuir aparelhos top de linha focados em alto desempenho, vamos conhecer algumas de suas opções baratas:

Redmi 10C

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

O 10C é um modelo que mostra bem os pontos fortes e fracos de um celular básico da Xiaomi, também se mostrando um aparelho completo para usuários não tão exigentes, sem fazer feio em alguns processos mais complexos. Equipado com o chipset Snapdragon 680 da Qualcomm e tendo 4GB de RAM, o Redmi 10C lida bem com mais de um app aberto ao mesmo tempo, sem grandes engasgos. 

Sendo um celular de 2022, ele já ficava dentro da média na bateria, com 5.000 mAh, com suporte para carregamento rápido de 18W. Seu conjunto de câmeras não impressiona, mas entre celulares básicos, o 10C se destaca em fotos noturnas. Ele já esteve disponível aqui no Promobit por R$ 663,14. 

Redmi Note 10 5G

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Fazendo jus à reputação da marca, de bons aparelhos com preços acessíveis, temos uma opção intermediária de baixo custo. O Redmi Note 10 5G foi uma clara evolução em relação ao seu antecessor, trazendo novos recursos com base na recepção dos consumidores da Xiaomi. Seus principais pontos fortes são: tela super AMOLED com resolução Full HD+; processador Mediatek Dimensity 700, que junto aos 6GB de RAM, é capaz de executar bem jogos um pouco mais exigentes e trabalhar com vários apps abertos ao mesmo tempo com fluidez. 

Também possui bateria de 5.000 mAh, porém com suporte para carregamento rápido de 33W, e seu conjunto de câmeras sem grandes virtudes para um celular intermediário, mas que se mostra capaz de reproduzir cores com fidelidade. Sua versão com 6GB de RAM já apareceu por aqui custando R$ 1.045,07, já a com 4GB, já esteve disponível por R$ 803,34.

Motorola

Sendo uma das marcas mais antigas do mercado de celulares, a Motorola passou por, praticamente, todas as eras dos celulares, até se tornar uma das grandes do mercado de smartphones também. Tendo diferentes linhas focadas para diferentes tipos de consumidores, também se trata de uma marca com uma amplitude bem grande de aparelhos. Vejamos qual do seus aparelhos pode ser considerado o celular mais barato:

Moto E22

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Sendo o Moto E a linha de celulares mais simples e acessíveis da Motorola, nada mais justo que falarmos de um deles primeiro. O Moto E22 apostou em alguns diferenciais para um aparelho de entrada, como som estéreo com Dolby Atmos e uma tela com taxa de atualização de 90 Hz. Porém, o smartphone deixou um pouco a desejar pelo desempenho um pouco abaixo do esperado – mesmo para um celular de entrada – e pouca capacidade de armazenamento interno, com apenas 64GB. 

Foi um modelo um pouco ambicioso, trazendo recursos interessantes para um aparelho básico, mas que pecou no que mais importa. O Moto E22 já esteve disponível no Promobit por R$ 614,15. 

Moto G52

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Partimos para a linha de intermediários da Motorola, conhecida por bons celulares custo benefício. O Moto G52 possui tela OLED, de 6,6 polegadas e resolução Full HD, um ponto mais do que positivo. Possui um áudio estéreo bem limpo, e bateria dentro da tal média citada inúmeras vezes, com carregamento rápido de 30W. Seu conjunto de câmeras é ok para um intermediário, tendo como principal destaque a nitidez de sua lente principal de 50 MP. 

Também se trata de um modelo que em termos de desempenho pode ter deixado um pouco a desejar, o posicionando mais para um intermediário de entrada, mas que acaba tendo seu lugar pelo preço que encontramos atualmente, já tendo passado quase um ano desde seu lançamento. Aqui no Promobit, o Moto G52 apareceu por R$ 954,15. 

Realme

Saímos de uma marca antiga e consagrada, para uma mais recente e que ainda está em processo de crescimento entre consumidores brasileiros. A Realme possui uma proposta similar a da Xiaomi, com uma ampla gama de dispositivos, dos mais básicos aos celulares com recursos mais avançados, também com preços acessíveis. Porém, busca fisgar um público mais jovem tendo um design moderno em seus aparelhos. 

Realme C11

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

O Realme C11 foi uma surpresa para muitos por seu fator custo benefício. Pouco tempo após seu lançamento no Brasil, já podíamos achá-lo por menos de R$ 900, provavelmente o celular mais barato da marca, chegando a aparecer aqui no Promobit por menos de R$ 600. E tudo isso com uma configuração bem “justa” para um aparelho de entrada. 

Apesar de um desempenho um pouco aquém, com 2GB de RAM e um processador básico da Unisoc, o C11 tem uma tela IPS LCD de 6,52 polegadas e com vidro Gorilla Glass 3. E mesmo para um celular simples de quase dois anos atrás, já tinha também os tais 5.000 mAh de bateria. O modelo se destaca entre usuários mais básicos que priorizavam uma boa autonomia.  

Realme C35

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

O Realme C35 trouxe um design inovador entre seus aparelhos, com um acabamento mais fino, laterais retas e uma traseira que brilha ao refletir luz. Ele possui duas versões, uma com 4 e outra com 6GB de memória RAM, que somados ao processador T616 da Unisoc, se mostram com um poder de fogo surpreendente para um smartphone que não possui o foco em alto desempenho, conseguindo bons resultados ao utilizar mais de um app ao mesmo tempo, e em jogos graças a GPU Mali-G57 MP1. 

Infelizmente, seu conjunto de câmeras deixa um pouco a desejar, principalmente por pouca nitidez, e dificuldade de reproduzir cores com fidelidade, apesar de possuir a função HDR que acaba servindo como um quebra galho. O Realme C35 já deu as caras no Promobit por R$ 1.099,00. 

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

Menção honrosa: Qual o celular mais barato da Apple?

Pode parecer contraditório falar sobre iPhone dentro do tema “celular mais barato”, por isso citaremos apenas como uma menção honrosa. Mas, não tem como falar em smartphones sem falar da Apple por toda a sua importância e contribuição para a tecnologia e para o mercado como um todo. Então, tenha em mente que o modelo aqui citado é “barato” para um iPhone sem ser um aparelho antigo e fora de circulação. 

iPhone SE 2022

Imagem exemplificando o trecho de texto anterior

O iPhone SE original foi lançado em 2020, visando trazer de volta o design dos primeiros celulares da Apple, mas com um hardware minimamente atual e com um preço não tão caro quanto os smartphones da linha principal. E desde então, a cada ano, uma versão atualizada do SE era lançada, e aqui falaremos da sua versão de 2022, também conhecida como iPhone SE de terceira geração.

Um dos principais pontos fortes dos iPhones é, sem dúvidas, seu conjunto de câmeras. E neste modelo, não é exceção. Seu poder de processamento se mantém alto, principalmente no modo retrato, e para vídeos, sua câmera traseira permite gravações em 4K. Seu desempenho é outro ponto de destaque. O chip A15 Bionic (o mesmo utilizado no iPhone 13), permite um bom desempenho tanto no dia a dia, quanto para jogos, além de possuir conectividade 5G. 

Este modelo é uma boa alternativa para quem quer adquirir um iPhone, abrindo mão dos grandes recursos dos celulares da linha principal em prol de pagar um pouco mais barato. O SE 2022 já esteve disponível no Promobit por R$ 2.952,51.


Aproveite os cupons Amazon para economizar mais na compra de caixas de som