Promobit
Promobit
Guias de Compra

Galaxy M51 é bom? Analisamos o aparelho com bateria gigante

Analisamos o Galaxy M51 em detalhes e encontramos um smartphone com ótimo custo-benefício.

Galaxy M51 é bom? Analisamos o aparelho com bateria gigante

4 de ago de 2021

0 comentários

Compartilhe:

O Galaxy M51 é um dos smartphones Samsung queridinhos da comunidade do Promobit e a cada nova promoção do aparelho muitos são os comentários sobre as qualidades dele. É impossível falar do modelo sem comentar sobre sua bateria gigante, mas o Galaxy M51 é bom por muitos outros fatores e nesta análise da ficha técnica abordaremos as vantagens e desvantagens do aparelho com mais detalhes. 

Quer receber avisos sempre que aparecer Galaxy M51?

Galaxy M51 é bom? Confira ficha técnica

EspecificaçõesGalaxy M51
TelaSuper Amoled, 6,7”, Full HD+
Processador Snapdragon 730G
RAM6 GB
Armazenamento128 GB
Câmeras traseiras64 MP (wide), 12 MP (ultrawide) 5 MP macro: 5 MP (sensor de profundidade)
Câmera frontal32 MP
Bateria7.000 mAh – carregador de 25 W
Dimensões e peso163,9×76,3×9,5mm /  213g

Design 

Se o Galaxy M51 inovou ao apresentar uma bateria enorme, o visual do aparelho não é lá muito inovador e até certo ponto bastante conservador em relação ao que a Samsung já vinha apresentando. O smartphone é feito em plástico com efeito em vidro na traseira e módulo de câmeras convencionais todo preto. Na lateral do aparelho está o botão de volume e o leitor de digitais. 

A parte inferior possui entrada USB-C e entrada P2 para fones de ouvido, um ponto positivo por não obrigar o consumidor a usar fones sem fio. A parte frontal também é bastante limpa, com poucas bordas e apenas o pequeno furo centralizado para a câmera frontal está sobre a tela. Como é um aparelho com bateria e tela grande, as dimensões do Galaxy M51 são generosas, mas o modelo não é tão pesado como a bateria pode sugerir, pesando 213 gramas. 

Tela

A tela do Galaxy M51 mantém a média das boas telas Super Amoled da Samsung e além de grande, 6,5 polegadas, possui resolução Full HD+ para proporcionar boas imagens. Se não encontramos grandes avanços como taxa de atualização acima dos 60Hz ou suporte a HDR, porém, mantém um bom padrão de qualidade condizente com smartphones intermediários premium. 

Leia mais:

Desempenho

Quanto ao desempenho, temos aqui o Snapdragon 730G, um processador que não é avançado, mas roda jogos com tranquilidade. Como boa parte dos chips da linha Snapdragon 700 da Qualcomm, o processador não é o que há de mais potente atualmente, mas possui maior capacidade de desempenho do que a maioria dos usuários necessita para tarefas do dia a dia e momentos de lazer como jogos, streaming e redes sociais. 

O aparelho possui ainda memória RAM de 6GB, ideal para as exigências do Andoid em 2021, inclusive no uso multitarefa, e espaço interno de 128 GB que aos poucos torna-se o novo padrão entre modelos intermediários, empurrando os 64 GB para modelos básicos.

Câmeras

Claramente a prioridade da Samsung para o Galaxy M51 é que ele seja um aparelho equilibrado e com alguns pontos de muito destaque, como a bateria. Fotos e vídeos não estão entre as prioridades, mas também não decepcionam, já que o modelo possui o mesmo conjunto óptico que outro bom aparelho intermediário da marca, o Galaxy A71

Quer receber avisos sempre que aparecer Galaxy A72?

Na traseira encontram-se a lente wide de 64 MP, ultrawide de 12 MP, macro de 5MP e sensor de profundidade. As três câmeras do conjunto são competentes, principalmente a principal, mas também a macro graças aos 5MP ao invés de 2 MP presente em lentes macro de muitos aparelhos. 

Já a câmera frontal é de 32 MP enquanto em vídeos o Galaxy M51 é capaz de gravar em 4K a 30 quadros por segundo com a câmera frontal e Full HD também a 30 FPS com o sensor frontal. 

Bateria

Para ter uma dimensão do tamanho de bateria do Galaxy 51, basta saber que muitos tablets com telas bem maiores possuem os mesmos 7.000 mAh. Isso aplicado em um smartphone resulta em mais de dois dias sem precisar carregar o smartphone ou até chegar ao terceiro dia na mão de usuários menos intensos sem precisar ir à tomada. O aparelho ainda possui carregador de 25W para dar conta de carregar essa bateria gigante. 

Preço e principais concorrentes

Não é novidade para ninguém que o preço dos smartphones em 2021 está oscilando bastante. No caso do Galaxy M51 o aparelho encontra-se com preço entre R$1.700 e R$2.000, na data da publicação deste texto. Comparando a pena só preço, os aparelhos que rivalizam com o Galaxy M51 são Moto G60 que é inferior em tela e bateria, mas possui câmera de 108 MP, e o Galaxy A72 da Samsung que conta com tela um pouco melhor.

Quer receber avisos sempre que aparecer Moto G60?

Afinal, o Galaxy M51 é bom?

O Galaxy M51 é bom sim é atualmente um dos aparelhos com melhor custo-benefício, já que além da bateria gigante, é competente em praticamente todos os aspectos. Boa tela, bom desempenho para a faixa de preço e conjunto de câmeras dentro da média. Talvez o aparelho deixe a desejar por falta de sofisticação em sua construção e por ter som apenas mono, mas no primeiro caso custos eram necessários para manter o preço do aparelho competitivo, enquanto no segundo caso bons fones de ouvido já ajudam a ouvir suas músicas com melhor qualidade. 


Aqui no Promobit você também encontra as melhores promoções de TV. Os modelos das principais marcas com os menores preços e podem ficar ainda mais baratos aproveitando o cupom Americanas ou cupom Casas Bahia.

Veja também