avatar de mf
ADMIN

O que é raid?

19 de Novembro de 2019 ás 13:27
Artigos
1
3

E aí galera? Vez ou outra vejo comentários nas ofertas de HD e SSD sobre o assunto e resolvi criar um tópico para explicar essa técnica.

O QUE É RAID?

Redundant Array of Independent Disks (RAID) significa em português matriz redundante de discos independentes. Em outras palavras, é a combinação de discos que forma uma única unidade, assim, os mesmos dados gravados em um unidade de armazenamento X está gravado na unidade Y, o que proporciona mais segurança e velocidade.

TIPOS DE RAID

- RAID 0 (stripping):

É conhecida como fracionamento. Os dados são distribuídos em pequenos fragmentos pelo disco, sem redundância, o que melhora o tempo de acesso aos arquivos, porém se ocorrer falha, poderá haver perda de dados.
Vantagens: desempenho (o dobro), custo baixo (é relativo, mas é baixo)
Desvantagens: sem espelhamento, se houver falhas pode ser irrecuperável

- RAID 1 (mirroring):

Aqui o modus operandi é o espelhamento. Tudo que há em um disco, há no outro. Quase não há perda de desempenho e é muito usado em servidores.
Vantagens: segurança, recuperação de dados em caso de falha
Desvantagens: custo mais alto, escrita mais demorada

- RAID 2 (Hamming ECC):

Serve para detectar falhas e funcionam como checagem de erros. Com o avanço de tecnologias, HDs atuais já vêm com isso de fábrica e esse tipo de raid caiu em desuso.
Vantagens: reduz as taxas de erro a quase 0
Desvantagens: HDs atuais possuem isso internamente, pode ocorrer desperdício de espaço

- RAID 3:

Os dados são divididos no disco matriz. Um dos discos é responsável apenas por armazenar dados de paridade.
Vantagens: velocidade de escrita e leitura; possui controle de erros
Desvantagens: complexidade no software

- RAID 4:

Similar a configuração de cima, porém os dados são divididos entre os discos. Ideal para arquivos grandes, essa configuração permite reconstruir dados por paridade.
Vantagens: taxa de leitura alta; aumento de área de discos
Desvantagens: escrita mais lenta; mais complexo em relação a RAID 1; tecnologia antiga

- RAID 5 (distributed parity):

Evolução das configurações 2, 3 e 4, aqui um disco inteiro fica responsável pela paridade. A paridade é armazenada de forma alternada nos outros discos e, caso haja falha, com o processo rebuild você recupera tudo.
Vantagens: rápida identificação de erros; taxa de leitura rápida
Desvantagens: escrita lenta; sistema complexo

- RAID 6:

Também chamado de dual parity, é a raid 5 com o dobro de bits de paridade. Se 2 discos falharem, não haverá perda de dados. É uma das configurações mais seguras.
Vantagens: pode falhar mais de 2 discos sem problemas
Desvantagens: escrita lenta; mínimo de 3 discos; controle complexo

- RAID 01:

Combinação do tipo 0 e 1, os dados são divididos entre discos para melhorar o desempenho, mas também há unidades para espelhamento. Necessita 4 discos ao menos e quantidade par. Se um disco falhar, funciona como RAID 0.
Vantagens: segurança; pode falhar que ainda funcionará uma parte da raid
Desvantagens: custo; necessida drivers sincronizados

- RAID 10:

Outra combinação do RAID 0 e 1. É preciso pelo menos 4 discos e sempre número par. Basicamente, metade armazena e metade faz backup.
Vantagens: é o mais seguro; pode falhar mais de um disco ao mesmo tempo; alta taxa de leitura e armazenamento
Desvantagens: alto custo; drivers necessitam de sincronismo.

- RAID 50:

Híbrido entre RAID 5 e 0, é uma segmentação distribuída com paridade.
Vantagens: taxas altas de escrita e leitura; bom para servidores
Desvantagens: alto custo

- RAID 100:

Híbrido entre hardware e software, é feito utilizando o RAID 0 via software combinando com o 10 por hardware.
Vantagens: segurança e velocidade
Desvantagens: custo e complexidade

OBSERVAÇÕES RELEVANTES:

- paridade: método de distribuição e verificação de dados em blocos. Se um disco falhar, o bloco será restituído a partir de todos os dispositivos da matriz.
- espelhamento: cópia integral e idêntica de um dado de um disco em outro
- existem ainda mais combinações

Fonte: CBLTech

João Vitor Especialista em Tecnologia Especialista em Tecnologia
@jvsilvictor

Algumas ilustrações para facilitar a compreensão do funcionamento das opções de RAID mais comuns:

RAID 0




RAID 1




RAID 5




RAID 10





Fonte: ValueHost

responder
Reportar
@elliton_azevedo

Se um disco em RAID 1 falhar é só substituí-lo e pronto?
E como saber qual dos discos está com problema?

responder
Reportar

elliton_azevedo basicamente, sim, é só substituir, tem que avaliar o cenário para não haver nenhuma perda de dados.

Aparece na controladora o defeito se for via software. Se for via hardware, você pode usar a ferramenta diskpart. Também é possível usar o Acronis ou Hard Disk Sentinel para verificar os erros.

responder
Reportar
Novo comentário
cancelar
Responder comentário:

Adicionar Resposta

Avalie o Promobit

Qual a probabilidade de você recomendar o Promobit para um amigo ou parente?