avatar de veredictor
13

Análise da palavra "gamer" em produtos

22 de Julho de 2020 ás 22:05
Artigos
1
3

Bem, vamos pular a etimologia da palavra, sabemos que ela vem de jogos eletrônicos, porém, a semântica desta palavra vem cada dia mais ganhando novos significados e é sobre eles que abordarei neste artigo, além de discutir outros assuntos correlatos que geram discussões e controvérsias.

NOTA: Este artigo tem teor opinativo, não estou trazendo verdades absolutas, apenas a minha concepção, sinta-se livre para discordar e compartilhar nos comentários a sua!

Contextualizando, conforme a tecnologia evoluiu, tornou-se mais acessível jogar videogame, houve uma época onde o simples fato de ter um computador doméstico era sinal de luxo, conforme foi surgindo um poderio de processamento e gráfico para rodar jogos, aumentando assim um público interessado em PCs com este propósito o mercado trouxe mais e mais produtos com o rótulo "gamer" , hoje encontramos de gabinetes até cama gamer, mas esse gamer significa a mesma coisa?

DEFINIÇÃO

Eu separo a palavra "gamer" para produtos em 2 modalidades:

Performance: Nesta modalidade também inclui outros fatores técnicos e físicos, tudo que podemos analisar de forma objetiva de melhoria em relação ao mesmo produto em uma versão "padrão".

Estética: Nesta modalidade é considerado apenas característica visuais com análises contendo alta subjetividade.

Se uma palavra pode ter significados distintos, como: definição A e definição B , é totalmente incabível fazer um julgamento de um objeto que se enquadra na definição A com críticas baseadas na definição B e vice-versa. Por isso a palavra "gamer" em si como um adjetiva a um produto não significa nada até que possamos compreender o sentido que ela foi empregada. Um complicador para este tipo de análise é que as coisas não são 8-80, esses produtos podem conter diferentes níveis de uma definição e da outra ao mesmo tempo.

Digamos que você seja um projetista cadista, modelador 3D, editor de fotos e vídeos e etc, é inviável ao mercado criar um computador específico para cada um desses propósitos, como jogos requerem muito de um hardware de alto desempenho (proporcional ao nível do game), um "PC Gamer" tonou-se uma referência genérica de máquina potente, ou seja, "se roda jogos, roda qualquer coisa".



POLÊMICAS



Na definição de performance:

Existem alguns "setups gamers" que possuem um hardware de nível de entrada, ou seja, de baixo desempenho, contudo, é importante compreender que tudo possui um plano de referência, desempenho abaixo de quê? Esses setups gamers de entrada são relação aos outros setups gamers medianos e de alto desempenho, ou seja, mesmo um PC Gamer básico é muito das vezes melhor que um computador doméstico, um notebook com um preço mais alto que o próprio PC Gamer.

Já vi diversas vezes PCs Gamer de entrada com um processador com placa de vídeo integrada e portanto, não possuindo uma placa de vídeo dedicado. nessas postagem é comum encontrar usuários que desmerecem o produto, dizendo que um produto deste não seria gamer de verdade.

Primeiro, o que é "gamer de verdade"?

Um PC Gamer de verdade tem que rodar Red Dead Redemption UHD a 120FPS? Qual o parâmetro? Quando julgamos desta forma acabamos por medir com nossas próprias réguas, desprezando as intenções de outras pessoas, algumas pessoas não possuem dinheiro para comprar um PC Gamer de alta performance, outras não são tão criteriosas enquanto ao desempenho, existe gamers que só jogam LoL, só jogam CS:GO ou só Minecraft, você precisa de uma super máquina para cada um desses jogos? Muitos jogos podem ser jogados de maneira satisfatória através de um PC Gamer de entrada, um Ryzen 2400G por exemplo, mesmo sem uma placa de vídeo dedicada consegue rodar muito bem muitos jogos, jogos AAA, como podemos conferir neste vídeo, por exemplo:



Além de existir jogadores com necessidades diferentes, também há a questão já comentada de um público totalmente diferente e não interessado em jogos, aqueles que compram um PC Gamer como referência para executar outras tarefas, tais tarefas que um PC Gamer de entrada seja o suficiente.

É preciso ter cuidado com frases como: "PC Gamer por menos de 3 mil reais nem é gamer", eu sinceramente não gosto da palavra "elitista" por já estar saturada, mas é o tipo de frase assim, negligente a diversos fatores e circunstâncias, que contribui com a criação de uma mentalidade deste tipo, até porquê, quem tem um PC de 3 mil, um PC de 2 mil parece uma porcaria, agora para quem tem um PC de 10 mil, o seu de 3 mil é uma porcaria diante do dele também...

Analogia de carros

Para o brasileiro médio, leigo tecnologicamente, é difícil entender as categorias e tipos de computadores, mas vamos fazer uma analogia com carros que penso ser mais fácil a assimilação.




Volkswagen Golf R20



Jaguar F-TYPE

Ambos são carros, mas além disso, ambos são carros esportivos. O que significa um carro esportivo? "esportivo" torna-se um adjetivo para distinguir carros segundo determinadas características únicas a esta categoria, comparada com outras, não é questão do Gold não ser um "esportivo de verdade", ele é um carro esportivo dentro de um determinado grau de performance, estética e preço, a mesma coisa é para o F-TYPE.

Para carros é muito óbvio entender isso, mas para computadores ainda há muitas polêmicas sobre isso, sendo que basicamente funciona da mesma forma, assim como existe PCs Gamer de 2 mil reais, existem PCs Gamer de 100 mil reais (literalmente). Entender as características, expectativas, necessidades, recursos e afins de cada grau destes produtos antes de querer desmerecer por superficialmente julgar a palavra "gamer" é bom senso!

Para ajudar quem não possui muito conhecimento sobre esse universo de computadores que os Especialistas de Tecnologia estão aqui, além disso, a comunidade do Promobit como um todo está aqui para lhe ajudar, seja comentando em ofertas ou aqui no fórum.




Na definição de estética:

Como dito na contextualização, conforme foi aumentando o público de PCs Gamer e o mercado investir pesadamente nesta categoria, foi criando-se uma cultura, um estilo.

Uma "cama gamer" dá mais FPS?

Uma piadinha bem corriqueira, mas uma "blusa de skatista" dá flip,? Faz você dar um ollie mais alto?

O mercado foi testando produtos e aqueles que o público mais gostou ele foi fazendo mais e isso acabou dando uma figura a palavra "gamer" na definição de estética.

Uma pessoa pode comprar um produto "gamer" por pura estética ou entre um produto A e B, mesmo o A tendo uma performance melhor, acabar por estética escolhendo o B. O mercado buscará atender todo tipo de público, novamente querer julgar e taxar produtos com a nossa própria reguinha pode ser impreciso ou totalmente descabido.

Um fator negativo é que existem empresas que de má fé usam o rótulo "gamer" para inflar sem muitas razões cabíveis o preço de seus produtos, eu sei que isso existe e não posso passar pano para estes casos, sermos uma comunidade de promoções justamente serve para discutirmos de forma saudáveis esses casos mais específicos. É claro que também mesmo produtos "gamers" só estéticos podem ter um preço mais elevado do que um padrão, porque dependendo do produto o meio de fabricação, matéria prima, tempo de fabricação e outros fatores podem encarecer o produto final, mas tudo dentro de um limite aceitável, coerente.

https://www.madeiramadeira.com...41098.html

Mesa de escritório.

https://www.madeiramadeira.com...17579.html

Mesa gamer.

Olhe bem essas duas mesas por exemplo, a diferença de preços entre elas é de 30 reais, esses 30 reais não podem nem ser atribuídos apenas pelo "rótulo gamer", já que ela é 30cm mais larga, mas o que eu quero dizer é, esse é um caso onde você de certo modo pode ter uma escolha unicamente estética, sendo que a palavra "gamer" remete-se a um visual e estilo que foi criado tanto pelo mercado, quanto pelo público.

Se não existe existe uma diferença absurda e injustificável entre os preços de um produto esteticamente gamer, qual o problema dele ser gamer apenas por estética? Muitos buscam ser racionais nessas horas e dizer:

"Porque isso é bobagem, não melhora os gráficos, não dá mais FPS"

O problema é que nem tudo se resume a FPS ou gráficos, ou outras questões técnicas.

Analogia do aquário

Quantos quando tiveram um aquário não tiveram a vontade ter um aquário grande, para ver os peixinhos irem para um canto para o outro, colocar pedrinhas no fundo, umas conchas, rochas com cavernas, vegetação, iluminação e bombas d'agua... Mas vocês sabem que o peixe não precisa de nada disso? Tecnicamente falando, ou cientificamente falando, efetivamente isto não contribui em nada para o bem estar do peixe, ele não vai "sentir mais feliz" ou ter uma qualidade de vida melhor com isto, os melhores peixes criados em criadores vivem apenas em um aquário pequeno com água e só.

Meio sem graça entrar no quarto e ver um aquário vazio e pequeno assim, né? Então é importante aceitar que quando montamos um aquário bonito, cheio de coisas, fazemos isso por nós mesmos e não para os peixes, fazemos por nos sentirmos bem, por ser mais agradável visualmente a nós um aquário mais personalizado.

Com um PC Gamer é exatamente a mesma coisa, é como se os PCs Gamer fossem os aquários para a nova geração de jovens e não existe absolutamente nada de errado nisso, se você olha as luzes e acha legal em tê-las no PC, não sinta desencorajado por ver comentários que desmereçam tais produtos, o importante é você poder comprar o que gosta e sentir feliz com sua compra, sua compra pode lhe dar mais FPS ou alívio e conforto visual, nas duas distinções da palavra é possível estar satisfeito com o produto e suas características e isto é o mais importante.

Com isso encerro este artigo, minha expectativa é que depois disso você possa ver a palavra "gamer" em produtos de outro modo, eu mesmo não gosto da palavra, não me refiro a mim mesmo sendo gamer, mesmo gostando de jogar, entretanto, o mundo está além do que eu gosto ou não.

Muito bacana seu texto, concordo com ele praticamente em tudo, mas ainda mantenho minha visão mais crítica com relação a palavra gamer. Para mim, ser gamer remete a etimologia mesmo (em inglês, para quem tiver curiosidade, o final "ER" indica "aquele ou aquilo que" e transforma e seria, em tradução literal, aquele que joga), fora isso virou modismo e, claro, empresas partiram para o oportunismo. Não consigo tirar isso da mente ao ver "produtos gamers", no entanto, eu entendo a perspectiva visual (embora isso seja bem subjetivo) e até gosto.

responder
Reportar
Veredictor Especialista em Tecnologia Especialista em Tecnologia
@veredictor

mf Então, existe um problema de estrangeirismo nesta questão que você levantou. De fato a palavra "gamer" no inglês remete aquele quem joga videogame, porém, no inglês frases como essa podem ser escritas sem uma palavra que liga o subordinado.

No exemplo que eu dei sobre os skatistas, lá frases como: "Skate brands" ou "Skate T-Shirt" aqui deveria receber a tradução como "marcas de skate" e "camisas de skate".

No meio de computadores estamos repletos de estrangeirismo e então importaram a palavra "gamer" para nossa língua, sendo que para os anglófonos, escrever "Gamer PC" ou "PC for gamers" teria o mesmo significado, mas que para nós, o primeiro modo importado de maneira grosseira no nosso linguajar pode ocasionar o problema que você relatou.

responder
Reportar
@luiz_felipe_1098612

Todo mundo sabe que so 'e gamer se tiver RGB, que da mais fps.

responder
Reportar
Novo comentário
cancelar
Responder comentário:

Adicionar Resposta

Avalie o Promobit

Qual a probabilidade de você recomendar o Promobit para um amigo ou parente?