avatar de mf
ADMIN

Samsung lançou Galaxy S8 e S8+ no Brasil. O que acharam?

17 de Abril de 2017 ás 23:02
Bate-papo
2
13

Fala galera, uma boa notícia (ou não) para os consumidores já que lançaram uma das linhas mais esperadas do ano.

Lembrando que o S8 tem 5.8" e o S8+ 6.2", porém agora o formato de tela mudou, então a variante Plus não é tão grande quanto o tamanho da tela sugere.

Ambos têm 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento interno; a câmera traseira tem 12MP com abertura de f/1,7 - os mesmos do S7 -, sendo que a frontal subiu para 8 MP.

Eles diferem pela tela e capacidade da bateria. Os dois acompanham uma tela Super AMOLED de 2960×1440 pixels (proporção 18,5:9), enquanto que o Galaxy S8 possui tela de 5,8 polegadas e 3.000 mAh e o Galaxy S8+, 6,2" com bateria de 3.500 mAh.

Os aparelhos terão suporte a dois chips (Yahoo!, rs), embalados pelo processador Exynos 8895 (diferenciando-se dos EUA, como é de costume, em que serão equipados com o Snapdragon 835).

PREÇO

"No Brasil, o Galaxy S8 e o Galaxy S8+ serão vendidos por R$ 3.999 e R$ 4.399, respectivamente. Eles entram em pré-venda nesta terça-feira (18) e estarão disponíveis nas cores prata, preto e ametista nas lojas próprias da Samsung, varejo e operadoras. Os compradores da pré-venda ganharão o novo Gear VR com controle. As vendas começam em 12 de maio."

DeX



Dock que permite conectar o Galaxy S8 a um monitor, teclado e mouse para transformar o smartphone em desktop. O acessório, que será vendido separadamente, permite executar vários aplicativos ao mesmo tempo em janelas em uma tela grande. Ele tem resfriamento integrado, portas USB e até conexão Ethernet.

No Brasil, o DeX será vendido por R$ 649.

Gear VR e Gear 360



O Gear VR é apenas uma versão aprimorada daqueles que acompanharam o S7/E, e continua com as "mesmas especificações, campo de visão e nível de imersão do modelo anterior, mas ganhou um controle remoto para controlar os aplicativos e jogos" - de acordo com o TB, pelo menos 20 games suportarão o Gear VR com controle remoto neste primeiro momento, segundo a Samsung. O preço sugerido é de R$ 799.

"A Gear 360, câmera capaz de filmar em 360 graus, trouxe uma merecida atualização para gravar em 4K e mudanças no design para torná-la mais fácil de segurar". Custa R$ 1.999, pode fazer streaming na resolução de até 2K para YouTube, Facebook e Samsung VR; com uma bateria de 1.160 mAh, nessas atividades aguenta no máximo 2h. Aceita diversos smartphones da Samsung, tais quais: S8, S7, S6, Note 5, A5 2017, A7 2017, além de iPhones 6s ou superior.

Fonte: https://tecnoblog.net/212931/g...co-brasil/

OPINIÃO

Longe de mim defender o mercado brasileiro, mas esperava que os preços seriam superiores. Fiquei contente porque, felizmente, os smartphones Androids tem uma característica de cair bastante o preço (exceto as linhas Z/X, né dona Sony?), então meu palpite é que veremos o S8/+ algum dia no preço da geração atual (~R$2K).

Docks sempre me atraem e torço bastante para a DeX. Ela me parece uma versão bem mais evoluída daquela que acompanhavam os antigos Atrix, espero que funcione a contento ou supere as expectativas.

O design dos aparelhos me agradaram bastante, assim como o G6. Vamos ver como se sairá a briga (muitos vão dizer que o S8 ganha, até concordo, só que quero ver o CxB de ambos primeiro, muito embora a LG tenha nos decepcionado bastante).

Atualmente acho que vale a pena ficar atentos ao S8, não compraria o S7 no momento. Para mim é surreal dar 2K em um aparelho já defasado (entenda pelo lançamento, não pelas funcionalidades ou hardware). Também não espero que ele cairá muito, vide S6, por isso acho que é mais um motivo para não comprá-lo - ou até é, dependendo o ponto de vista, já que há uma menor desvalorização.

Por fim, qual a vossa opinião? Pretende comprar a geração atual ou espera que o S7 abaixe para comprá-lo?

Raphael Especialista em Tecnologia Especialista em Tecnologia
@raphael

Isso é interessante!

Um hardware sem dúvidas muito bom. Possivelmente mais do que o necessário, mas enfim. Uma coisa que eu gosto de ver são os dockers! Lembro bem do milestone, que tinha um docker para virar relógio, e ver essa possível tendência de volta deles é bem legal.

Sobre opinião de comprar ou não, bom... Eu não sei bem hein... Lançamento é aquela coisa né... Vou traçar uma tendência de queda de preço de lançamento de smartphones da samsung e aplicar nesse s8. Acho que pode dar uma estimativa legal do preço nos próximos meses, :^D

responder
Reportar

raphael até li sobre o dock do Milestone, mas era algo bem longe de atrair a minha atenção. Nunca vi um, provavelmente não fez sucesso (ou não vendeu no Brasil?), mas virar um relógio fosse uma opção a mais, aí com certeza é interessante. O formato me agradava.

Lançamento é complicado. Tenho amigos torcendo a cara - assim como eu, como sempre - e outros ouriçados para comprar. Alguns xingavam até não querer mais o leitor de digitais na traseira, agora que a Samsung colocou lá - e ainda deslocado! -, provavelmente vai popularizar a posição,estão nem ligando, hehe. Seria a Samsung a nova Apple?

Sobre traçar a tendência, é algo muito interessante! Poste para nós o resultado ;)

responder
Reportar

Esse foi rápido, parece que já teve algumas unidades do S8+ a R$ 2.771,10.

responder
Reportar
Raphael Especialista em Tecnologia Especialista em Tecnologia
@raphael

Mickael_Fernandes opa! Promessa é dívida. Vamos lá, falando na análise da tendência de redução de preços da linha principal da Samsung. Foi mal pelo textão :P

- Resumo

Abaixo fiz uma breve análise da tendência de queda dos preços de lançamentos da linha S da Samsung, nada muito preciso, apenas mapeando o comportamento que temos, baseado apenas no histórico do promobit. Por se uma breve análise deixei um pouco de lado outros pontos que podem ter impacto nesta equação como por exemplo o valor do dólar e influências da própria economia do país.

- Dados

O promobit já está há mais de 3 anos no ar e isso faz com que consigamos mapear tendências no mínimo interessantes sobre preços, ofertas e descontos. Para essa análise abaixo eu usei os dados de ofertas postadas aqui na plataforma e os valores-base divulgados pela própria Samsung, no ato do lançamento dos aparelhos.

- Como eu fiz?

Primeiro eu peguei todas as ocorrências de ofertas da linha S aqui no promobit, inicialmente desde o S6, e considerei um espectro entre o mês do lançamento (geralmente abril) até dezembro (pós black friday). O que totalizaram 297 ofertas dos aparelhos S6, S6 Edge, S7, S7 Edge.

Com o objetivo de identificar a tendência de queda, fazia mais sentido agrupar os valores por mês, ao envés de por ocorrências de ofertas, assim comecei a mapear para cada mês o menor valor promocional, que apareceu aqui no promobit, e também o valor médio no mês entre as ofertas aqui cadastradas, com isso pude calcular o percentual de descontos em relação ao valor anunciado, baseado no menor valor de cada mês.

Com isso pude reduzir as ofertas nos seguintes dados para representar as tendências mais básicas:


- E o que isso significa?

Talvez seja um pouco difícil compreender numericamente, por isso gerei gráficos que mostram a tendência de redução de preços ao longo do tempo:



Alguns pontos interessantes à partir do gráfico acima são:

Visivelmente temos um padrão de comportamento entre eles no que diz respeito a redução de valores.

De acordo com esse padrão de comportamento, a tendência é baixar o valor até agosto, quando o valor promocional atinge algo em torno de 50% do valor anunciado. Outra informação legal é que logo no primeiro mês já vemos o padrão de fugir um pouco do valor anunciado, com descontos de pouco mais de 20%.

* O círculo vermelho representa o fim da "Lei do Bem" e por isso é possível notar um pequeno impacto nos preços do S6 e S6 Edge.

- Extraindo um padrão único

Temos as tendências baseadas em anos anteriores, e elas apontam para um comportamento bastante semelhante, logo faz sentido tentar agrupar todo esse conteúdo em uma só coluna, ou seja, agrupar a tendência de descontos entre os aparelhos, que pode se útil para prever o valor de novos lançamentos, como o S8!!



- Galaxy S8

Aplicando este padrão ao recente lançamento da Samsung, o Galaxy S8 e baseando-se no valor de entrada, divulgado pela fabricante, de R$3.999,00 é possível se obter uma estimativa de como o valor pode progredir ao longo do tempo*.



* Os preços estimados do S8 são apenas uma estimativa baseada apenas no comportamento detectado e não devem ser tomados como valores exatos, mas sim como valores aproximados. Estes valores também estão sujeitos a mudanças por diversos fatores que vão desde a variação do dólar ate a decisões da própria fabricante.

responder
Reportar

raphael bela análise, Raphael. Deveria ser publicado no blog!

Na minha opinião, baseada no estudo, o ideal é comprar entre o 2º e 4º mês. O mais vantajoso é o oitavo, mas aí já fica bem distante do lançamento, rs.

responder
Reportar
Raphael Especialista em Tecnologia Especialista em Tecnologia
@raphael

Mickael_Fernandes hahaha, sim agosto acaba sendo um excelente momento para comprar.

responder
Reportar
@fabio_carneiro

raphaelbelo post !!!

Merece até um UP para o BLOG!!! Será muito útil para a comunidade promobit e todos os consumidores !

responder
Reportar
@leo_leon

A XIAOMI é muito melhor: só celular pica e muito mais barato. Os celulares fabricados na China são produzidos na mesma fábrica que a Apple a diferença de preço é só pela marca. Sou cliente satisfeito da marca

responder
Reportar
@oscar_silmara

leo_leon o SoC do iPhone é diferente, não é o mesmo hardware.

responder
Reportar
@luks_go

leo_leon o grande receio que carrego é referente a assistência técnica, garantia e reposição de peças em caso de algum dano causado por descuido (tela trincada, por exemplo). Como estão essas questões hoje em dia?

responder
Reportar

luks_go você pode importar a tela por conta própria e arrumar ou levar a alguma assistência. Já tem umas especializadas em grandes centros e não é tão caro.

responder
Reportar
@luks_go

mickael_fernandes sabe me informar algo a respeito da taxação desses produtos (celulares da Xiaomi)? A facada é grande? Às vezes passa desapercebido?

responder
Reportar

luks_go sim, às vezes passa. Normalmente eles tributam em uns 200 reais para estados sem ICMS. Mas tenha em mente que pela lei é 60% do valor da compra.

responder
Reportar
Novo comentário
cancelar
Responder comentário:

Adicionar Resposta

Avalie o Promobit

Qual a probabilidade de você recomendar o Promobit para um amigo ou parente?