Take a fresh look at your lifestyle.

Venda de PCs se recupera e cresce 15% no Brasil

Setor de vendas de computador pessoal não via crescimento desde 2011.

0

A venda de computador pessoais no Brasil voltou a crescer após um período de 5 anos. Em 2017, foram vendidos 5,19 milhões de aparelhos, um número 15% maior do que as vendas de 2016, que somaram 4,5 milhões. O estudo foi feito pela consultoria IDC Brasil, empresa de inteligência de mercado e consultoria nas indústrias de tecnologia da informação, telecomunicações e mercados de consumo em massa de tecnologia.

“Foi o primeiro ano de crescimento nas vendas de PCs no país desde 2011, graças a fatores como a liberação do FGTS, que contribuiu para o poder de compra do consumidor, e o melhor Black Friday desde que começou a ser realizado no país, o que se pode creditar a um aumento da confiança do consumidor”, disse Pedro Hagge, analista de pesquisa da IDC Brasil ao portal IDG Now. “As empresas também voltaram a fazer investimentos para atualizar seu parque instalado, e projetos importantes do poder público, antes parados por conta da crise política, foram entregues no final do ano”.

Teclado

Segundo o portal G1, um dos motivos para o aumento das vendas foi a redução nos preços médios dos computadores, que baixou mais de 10%, indo de R$ 2.524 em 2016 para R$ 2.262 em 2017. Um dos motivos dessa redução de preços foram promoções de notebooks feitas para impulsionar as vendas e uma cotação mais favorável do dólar.

De todos os aparelhos comercializados, a consultoria aponta que no quarto semestre, 66% deles foram notebook e 34% foram desktops. Em termos de crescimento, os notebook venderam 26% a mais, se comparado com 2016, enquanto os desktops venderam 13% a mais.

Estimativas para 2018

Para o ano que começou agora, a consultoria estima que devem ser vendidos até 5,3 milhões de computadores, o que seria uma alta de 2% comparado com o volume de vendas do ano passado. A IDC Brasil também pontua que esse baixo crescimento é uma tendência que pode ser observada em diversos países, não apenas no Brasil.

Smartphones e tablets

Alguns dos “vilões” apontados pelo mal desempenho da venda de computadores nos últimos anos foram os tablets e, principalmente, os smartphones. A possibilidade de encontrar bons celulares em oferta e economizar, assim como a praticidade oferecida pelos aparelhos do tipo, fazem com que vários consumidores prefiram usar os smartphones para realizar tarefas cotidianas, em vez dos computadores.

Outro fator apontado foi o maior tempo de vida dos computadores modernos, que faz com que os usuários passem mais tempo com um mesmo aparelho.


Aproveite as melhores promoções de notebooks da internet utilizando os cupons de desconto do Promobit. Crie sua lista de desejos, tire dúvidas com os membros da comunidade e prepare-se para a Black Friday, maior temporada de promoções do ano!

Veja também
Comentários

Novo comentário
cancelar
Responder comentário:

Quer receber alertas de novas postagens?

Receba notificações em seu navegador!